Polícia Civil deflagra operação para prender foragidos

Agentes das 27 unidades federativas saíram às ruas para cumprimento de mandados de prisão; quatro pessoas já foram presas em Nova Odessa


Foto: Ciete Silvério / Governo de SP / Divulgação
Mais de 4,5 mil policiais participam da ação

A Polícia Civil realiza nesta quarta-feira (24) a Operação PC 27, que tem como objetivo prender foragidos da Justiça em todo o Estado de São Paulo. Até o momento, quatro pessoas já foram presas em Nova Odessa. Mais de 4,5 mil policiais participam da ação.

As atividades fazem parte de um conjunto de ações deflagradas em todo o território nacional. De acordo com a Polícia Civil, até o momento, 190 criminosos foram capturados e outros nove adolescentes foram apreendidos.

Das cidades da RPT (Região do Polo Têxtil), o LIBERAL apurou que quatro pessoas já foram presas em Nova Odessa: três por pagamento de pensão alimentícia e um condenado por tráfico de drogas. Outros mandados são cumpridos na cidade e o número deve aumentar até o final da operação. Ainda não há um balanço dos outros municípios.

Segundo informações da SSP (Secretaria de Segurança Pública), agentes das 27 unidades federativas saíram às ruas para cumprimento de mandados de prisão. Os policiais de São Paulo integram equipes do Decap (Departamento de Polícia Judiciária da Capital), da Demacro (Macro São Paulo) e de todos os Deinters (Departamentos de Polícia Judiciária do Interior).

“A ação, coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC), tem como objetivo retirar de circulação foragidos da Justiça, que cometeram crimes graves como roubo, homicídio, estupro, participação em crime organizado, entre outros”, informou a SSP.

O nome da operação, que segue em andamento, é uma referência à “união e padronização de todas as polícias civis do País”.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!