Pensamento verde agrega valor ao produto comercial

Entidades indicam que a preocupação com o meio ambiente foi incorporada ao processo de produção e agrega valor aos produtos vendidos


Foi-se o tempo em que as boas práticas voltadas ao meio ambiente eram cumpridas pelas empresas apenas para atender a legislação. Em vez de ações isoladas para resolver problemas apontados por órgãos fiscalizadores, estão sendo criadas soluções sustentáveis, favorecendo o meio ambiente e a redução de custos.

Além disso, a consciência ambiental agrega valor aos produtos e serviços, atendendo a uma demanda do próprio mercado. A avaliação é de porta-vozes da Acia (Associação Comercial e Industrial de Americana) e do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo).

Foto: João Carlos Nascimento - O Liberal
Descarte de lâmpadas: demanda da própria população

Diretor do Departamento Empresarial de Sustentabilidade Ambiental e Energética da Acia e presidente do Condema (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente), João Antonio Braidotti explicou que o próprio consumidor exige uma postura ecologicamente correta.

Como exemplo, ele citou que a legislação municipal criada para regulamentar o descarte de lâmpadas fluorescentes atendeu a uma demanda da própria população. A lei 3578/2001 responsabiliza as empresas que produzem e comercializam essa mercadoria pela destinação correta dos resíduos.

“Virou um valor agregado ao produto. Não é para cumprir legislação ou ser bonzinho. Hoje quem não entra nessa área não sobrevive no mercado”, indicou.

Coordenador de Meio Ambiente do Ciesp no Estado de São Paulo, Alexandre Vilella explicou que é preciso que toda a cadeia produtiva se preocupe com o assunto nos dias de hoje.

“Hoje, por exemplo, uma pequena empresa não consegue fornecer para uma grande empresa se não tiver um mínimo desempenho ambiental”, alertou.

“Com um Grupo de Meio Ambiente organizado e ativo, nossa Diretoria Regional caminha lado a lado com os propósitos estaduais e dissemina informações, age junto aos associados e está de portas abertas para receber as empresas da região. Temos a certeza que juntos podemos transformar de forma sustentável nossas indústrias”, declarou o diretor do Ciesp Americana, Frederico Faé.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora