Operação prende cinco policiais em Americana e Santa Bárbara

Operação do Ministério Público apura o envolvimento de agentes públicos da região em atividades ilícitas relacionadas a jogos de azar


Cinco policiais foram presos na manhã desta segunda-feira (4) na Operação Bellagio, do Ministério Público de São Paulo, que apura o envolvimento de agentes públicos da região em atividades ilícitas relacionadas a jogos de azar.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp

Foram três policiais militares e dois dos policiais civis detidos em Americana e Santa Bárbara d’Oeste. Ao todo, R$ 89 mil foram apreendidos.

Foto: André Thieful / O Liberal
Corregedorias das polícias Militar e Civil participaram da ação

A ação foi promovida pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), braço do MP, em parceria com as corregedorias das polícias Militar e Civil. De acordo com o MP, os policiais detidos receberiam vantagem indevida valendo-se da função pública. Os policiais militares atuavam de modo organizado na segurança do local de exploração do jogo de azar.

Foram cumpridos 20 mandados de busca e apreensão e dez mandados de prisão. Participaram da operação dez promotores de Justiça e cerca de 170 PMs.

No curso das apurações, descobriu-se indícios da participação de outras pessoas na organização criminosa e as provas foram compartilhadas com o Ministério Público, que iniciou investigação em paralelo.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

A Corregedoria de Polícia Civil ajudou a identificar policiais civis que também estavam integrados a organização criminosa. Questionada, a Polícia Militar informou que os trabalhos ainda estão em andamento e, ao final, serão encaminhados mais detalhes.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora