29 de setembro de 2020 Atualizado 20:46

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Região

Governo de SP tem 20 mil vagas para cursos gratuitos

As inscrições estão abertas e podem ser realizadas até domingo, dia 16 de agosto

Por Talita Bristotti

14 ago 2020 às 15:01

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, está com 20 mil vagas abertas para cursos gratuitos de qualificação profissional. As inscrições e as aulas são realizadas de forma online.

As inscrições estão abertas e podem ser realizadas até domingo, dia 16 de agosto, por meio do site www.cursosviarapida.sp.gov.br.  

No total, são oito opções de cursos introdutórios nas áreas de tecnologia da informação, gestão e idiomas, com duração de 80 horas, oferecidos pela Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo).

Na área de gestão, há as seguintes opções: Gestão Administrativa; Planejamento Empresarial e Finanças para Empresas.

Há também o curso de Espanhol Básico, para aqueles que querem iniciar o estudo do idioma.

Já na área de tecnologia, podem ser realizados os seguintes cursos introdutórios: Lógica de Programação, Banco de Dados, Desenvolvedor Web e Desenvolvedor Mobile.

Para aqueles que concluírem os cursos introdutórios de tecnologia, há possibilidade de progressão para outros mais avançados, ofertados pelo programa SP Tech em parceria com empresas privadas.

Inscrição
Para os cursos introdutórios oferecidos pela Univesp, podem se inscrever candidatos que tenham idade mínima de 16 anos, alfabetizados e domiciliados no Estado de São Paulo. Caso o número de inscritos seja superior ao número de vagas, serão priorizadas as pessoas desempregadas, com baixa renda e com deficiência.

Para os cursos de aprofundamento em tecnologia, podem se inscrever aqueles que atendam aos pré-requisitos acima e tenham concluído, pelo menos, um dos cursos introdutórios de tecnologia oferecidos pela Univesp.

A convocação dos candidatos ocorrerá por e-mail e a previsão de início das aulas é 24 de agosto. Para receber o certificado, o aluno deve completar a carga horária total do curso virtual e atingir 7,5 de média nas avaliações.

Publicidade