23 de junho de 2021 Atualizado 18:35

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Região

Cidades iniciam vacinação de gestantes e puérperas acima de 18 anos

Postos de Americana e Santa Bárbara também passarão a vacinar profissionais da educação entre 45 e 46 anos

Por Marina Zanaki

08 jun 2021 às 17:52 • Última atualização 08 jun 2021 às 17:53

Americana e Santa Bárbara d’Oeste iniciam nesta quarta-feira (9) a vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) em novos grupos. Passam a ser incluídas gestantes e puérperas acima de 18 anos, assim como profissionais da educação entre 45 e 46 anos.

Em Americana, a vacinação ocorre mediante agendamento no site da prefeitura. Está mantida na cidade a aplicação da primeira dose para idosos acima de 60 anos, gestantes com comorbidades, profissionais de saúde, pacientes com comorbidade e pessoas com deficiência permanente; e da segunda dose para idosos e profissionais da saúde e da educação.

Santa Bárbara d’Oeste recebeu nesta terça-feira mais 3.910 doses da vacina contra a Covid-19, sendo 2.330 de Oxford/AstraZeneca e 1.580 doses da Coronavac/Butantan, destinadas para a imunização destes novos públicos, além do prosseguimento nos grupos prioritários já inseridos na campanha.

A imunização na cidade não necessita de agendamento. As doses estão disponíveis de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, nos ginásios municipais Djaniro Pedroso (Rua Prudente de Moraes, 250, Centro), e Mirzinho Daniel (Rua Bororós, s/nº, Jardim São Francisco), e na Casa de Maria (Rua Mococa, 510, Jardim das Laranjeiras).

Além de CPF e comprovante de endereço, as gestantes maiores de 18 anos e sem comorbidade necessitam apresentar o cartão pré-natal, e as puérperas, a declaração de nascimento da criança.

Os profissionais da educação deverão apresentar o QR code emitido durante o cadastro prévio no VacinaJá Educação.

Publicidade