28 de setembro de 2020 Atualizado 13:14

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Comércio regional

Associações comerciais demonstram confiança no Dia dos Pais

Entidades de Americana e Santa Bárbara avaliam que as compras por delivery podem beneficiar mercado no período

Por Rodrigo Alonso

04 ago 2020 às 09:03 • Última atualização 04 ago 2020 às 10:54

As associações comerciais de Americana e Santa Bárbara d’Oeste demonstram otimismo com relação à venda de presentes para o Dia dos Pais. As entidades avaliam que as compras por delivery podem beneficiar o mercado neste período.

Segundo o presidente da Acia (Associação Comercial e Industrial de Americana), Wagner Armbruster, as lojas e os consumidores, de uma forma geral, já se acostumaram com o comércio à distância, situação forçada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Em Americana, Acia acredita que lojistas já se acostumaram com novos sistemas de vendas – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

“Está havendo, justamente, uma migração da forma de compra e de venda. As relações mudaram. Antes, era tudo presencial. Mas muitas lojas já estão se adequando ao WhatsApp, ao telefone, àquele esquema de fazer entrega, ao drive-thru”, diz.

Ele apontou que a comoção criada pelo cenário atual também pode ser favorável para as vendas. A pandemia, para Armbruster, intensificou as demonstrações de afeto, e isso deve se refletir na compra de presentes.

“Aquelas pessoas que estão com seus pais em casa tendem a ficar muito felizes e agradecer pelo pai estar vivo, com saúde”, afirma. “Se eu tenho meu pai vivo, que está bem, não pegou Covid-19 e está em casa, por que não vou comprar um presente bom para ele?”.

Essa expectativa positiva, de acordo com Armbruster, também tem relação com a abertura de novas empresas em Americana. Em junho, conforme dados do Mapa de Empresas do governo federal, 443 firmas foram formalizadas na cidade, enquanto 138 acabaram fechadas.

Comparativo
Diante desses fatores, ele acredita que o comércio voltado para o Dia dos Pais deste ano não deve ficar atrás na comparação com 2019. “Os dados mostram que nós vamos ter um Dia dos Pais bom. Não vai ser excelente, mas entre bom e ótimo ele vai ser”.

Em Santa Bárbara, a Acisb (Associação Comercial e Industrial de Santa Bárbara d’Oeste) aposta ainda na campanha “Abrace o Comércio”, em que a prefeitura divulga gratuitamente, em suas redes sociais, os estabelecimentos comerciais da cidade.

Para ter sua marca exposta, os comerciantes precisam se cadastrar no site santabarbara.sp.gov.br/abraceocomercio até esta quarta-feira.

“Nós fizemos isso no Dia das Mães, e deu um resultado muito bom”, lembra João Batista de Paula Rodrigues, presidente da Acisb, que organiza a campanha em parceria com a administração municipal.

Com a região na fase laranja do Plano SP, o comércio de Santa Bárbara funciona de portas abertas das 10 às 14 horas, de segunda a sexta, e das 9 às 13 horas, aos sábados. Em Americana, as lojas podem escolher o período, limitado a quatro horas por dia.

Podcast Além da Capa
Entre tantos anúncios aguardados com ansiedade em relação à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a apresentação de uma vacina eficaz e produzida em larga escala, com capacidade de imunização de toda a população, seria o equivalente a um trending topic unânime ao redor do globo. O episódio do “Além da Capa” dessa semana atualiza o panorama local em relação à espera pelo imunizante.

Publicidade