Após quatro meses com saldo positivo, emprego cai na região

Foram fechados 336 postos de trabalho no mês de novembro; resultado está relacionado ao desempenho de Santa Bárbara d’Oeste


A RPT (Região do Polo Têxtil) voltou a registrar um mês com saldo negativo na geração de empregos, após ter vivenciado quatro meses com resultados positivos. Foram fechadas 336 vagas de trabalho na região em novembro. O resultado está ligado ao desempenho de Santa Bárbara d’Oeste. Sozinha, a cidade fechou 497 postos.

Foto: Pixabay
Agropecuária foi o setor que mais demitiu em Santa Bárbara d’Oeste

De acordo com os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), Santa Bárbara d’Oeste teve saldo negativo nos principais setores econômicos no mês passado. O destaque negativo ficou para a agropecuária (-189 postos) e serviços (-145). O comércio (-72) e a indústria (-46) também tiveram saldo negativo.

Na região, Nova Odessa também teve saldo negativo, fechando 55 vagas. As demais cidades conseguiram abrir vagas no mês passado. O melhor resultado foi em Americana, que abriu 115 postos, e Hortolândia, com 97 vagas. Sumaré manteve-se estável, com saldo positivo de quatro empregos.

No País, o saldo de emprego foi positivo pelo oitavo mês consecutivo, com a abertura de 99 mil vagas de trabalho em novembro.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora