03 de junho de 2020 Atualizado 18:24

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Igreja Católica

Ao saudar novo bispo, CNBB critica quem usa o ‘povo de Deus’

Conferência Nacional dos Bispos utilizou uma passagem do Evangelho de Matheus para celebrar a nomeação de dom José Roberto Fortes Palau

Por Talita Bristotti

20 nov 2019 às 10:27 • Última atualização 20 nov 2019 às 21:18

Foto: Divulgação
Dom José Roberto Fortes Palau foi nomeado bispo de Limeira nesta quarta-feira (20) pelo Papa Francisco

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) publicou uma carta em saudação a dom José Roberto Fortes Palau, nomeado nesta quarta-feira (20) pelo Papa Francisco como novo bispo diocesano de Limeira. Na saudação, a organização utilizou uma passagem do Evangelho de Matheus (Mt 10,7-13), em que critica quem acaba “usando o povo de Deus”.

“A vida cristã é para servir. É muito triste quando encontramos cristãos que, no início da sua conversão ou da sua consciência de serem cristãos, servem, estão abertos a servir, e depois acabam usando o povo de Deus. Isto faz tanto mal, tanto mal ao povo de Deus. A vocação é para servir, não para usar”.

A carta não faz menção ao antigo bispo de Limeira, dom Vilson Dias de Oliveira, que renunciou ao cargo em maio deste ano em meio a denúncias de extorsão de padres e acobertamento de supostos casos de abuso sexual, ambas alvo de investigações policiais.

Quando renunciou ao cargo, Dom Vilson publicou uma carta ressaltando que vem enfrentando “todo tipo de cruzes, por meio de ataques à nossa Igreja Particular de Limeira, a mim e a vários presbíteros” nos últimos meses.

Leia a íntegra da saudação da CNBB a Dom José Roberto Fortes Palau:

Brasília-DF, 20 de novembro de 2019

Prezado Irmão Dom José Roberto Fortes Palau,

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta alegria por sua nomeação como bispo da diocese de Limeira, vacante desde maio de 2019, e renova também o agradecimento ao Papa Francisco pelo zelo pastoral e envio pastores à nossas comunidades.

Agradecemos o trabalho que o prezado irmão realizou desde a sua ordenação como bispo auxiliar da arquidiocese de São Paulo, nestes últimos cinco anos. Para celebrar sua nomeação, recorremos às palavras do Papa Francisco pronunciadas em sua homilia na Casa Santa Marta, em junho de 2019, na qual reflete parte da passagem do Evangelho de Matheus (Mt 10,7-13) sobre a missão dos apóstolos: “A vida cristã é para servir. É muito triste quando encontramos cristãos que, no início da sua conversão ou da sua consciência de serem cristãos, servem, estão abertos a servir, e depois acabam usando o povo de Deus. Isto faz tanto mal, tanto mal ao povo de Deus. A vocação é para servir, não para usar”.

Reiteramos as nossas orações, rogando a proteção da Mãe de Deus, N. S. das Dores, para que o seu pastoreio, em Limeira, seja pleno de bons frutos.

Em Cristo,

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte (MG)
Presidente da CNBB

Dom Jaime Spengler
Arcebispo de Porto Alegre (RS)
Primeiro Vice-Presidente da CNBB

Dom Mário Antônio da Silva
Bispo de Roraima (RR)
Segundo Vice-Presidente da CNBB

Dom Joel Portella Amado
Bispo auxiliar da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
Secretário-geral da CNBB