03 de dezembro de 2021 Atualizado 13:27

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Nova Odessa

Pastor Wagner Longhi, diretor de Promoção Social em Nova Odessa, morre aos 55 anos

O velório será nesta sexta-feira (25), das 7h às 10h30, no Paço Municipal; sepultamento será no Cemitério Municipal

Por *Natália Velosa

25 nov 2021 às 14:45 • Última atualização 25 nov 2021 às 18:08

Diretor de Gestão Social e Cidadania da Prefeitura de Nova Odessa, o pastor evangélico Wagner Longhi faleceu na manhã desta quinta-feira (25), aos 55 anos.

De acordo com nota divulgada pela prefeitura, Wagner sofreu um desmaio nesta manhã ainda em casa, sendo atendido pela Polícia Militar e pelo Serviço 192 do município. As equipes tentaram a reanimação, mas o pastor não resistiu.

Óbito foi constatado por volta das 7h50, no Hospital de Nova Odessa – Foto: Divulgação / Prefeitura Nova Odessa

Ele foi levado ao Hospital e Maternidade Municipal de Nova Odessa logo em seguida. A equipe médica continuou a tentativa de reanimação, novamente sem sucesso. O óbito foi constatado por volta das 7h50.

O prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho (PSD), decretou luto oficial por três dias em Nova Odessa, considerando sua contribuição para a história política e social do município, que deixa “um legado para a nossa história”.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

O pastor era casado com Maria Lúcia da Cruz Longhi e deixa dois filhos, Arnom Luis Longhi e Joshua Longhi.

O velório do pastor Wagner será nesta sexta-feira (25), das 8h às 10h, no Paço Municipal, na Avenida João Pessoa, 777, no Centro de Nova Odessa. O sepultamento será logo em seguida no Cemitério Municipal Nova Odessa, na Rua Anchieta, 40, no Jardim Europa. Excepcionalmente, o atendimento ao público no Paço Municipal começa às 11h desta sexta-feira (conforme Decreto Municipal nº 4.491, de 25 de novembro de 2021).

Sobre Wagner Longhini

Nascido em 15 de dezembro de 1965 em Junqueirópolis, no interior de São Paulo, pastor Wagner veio de uma família de agricultores, filho de Luiz Longhi e Jesuína Sofia Longhi.

Longhi atuava como diretor do social desde o início da gestão do atual prefeito. O diretor participou na operacionalização do Programa NOS (Nova Odessa Solidária) de auxílio emergencial municipal, que atendeu a mais de mil famílias em situação vulnerável afetadas pela pandemia.

O pastor também participou na aplicação do alcance do Programa Cesta Básica Municipal, como também no abrigamento temporário da população de rua nas frentes frias do último inverno, entre outras ações.

Wagner Longhi chegou a Nova Odessa 1981. Trabalhou na antiga Indarma, no Banco Bradesco e como representante comercial no setor farmacêutico. Em 1987, se dedicou para ser pastor e se formou em Teologia na Faculdade Teológica Batista de Campinas. Foi ordenado pastor pela Igreja Batista em 1993.

No início deste ano, o pastor foi convidado pelo prefeito Leitinho para assumir a promoção social da cidade, e vinha sendo constantemente reconhecido e elogiado pelo chefe do Executivo por sua dedicação aos mais pobres.

Prefeito Leitinho decretou luto oficial por três dias em Nova Odessa – Foto: Divulgação / Prefeitura Nova Odessa

Wagner Longhi era também conselheiro e mentor de 22 pastores e de seis igrejas da região; membro da Associação de Igrejas MDA Brasil; membro da Aliança Internacional de Pastores da Missionary Church/USA; fundador e mantenedor da Aceno (Associação Comunitária Educacional de Nova Odessa) há 15 anos; fundador e mantenedor do Instituto Bíblico Rhema há 12 anos – entre outros títulos e atividades.

*Estagiária sob supervisão de Talita Bristotti

Publicidade