22 de setembro de 2020 Atualizado 18:21

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

COVID-19

Nova Odessa vai comprar 20 novos respiradores

Recurso para a compra virá da realocação de R$ 600 mil do Fundo Municipal de Habitação; projeto para autorizar será votado pelos vereadores na sexta

Por André Rossi

25 mar 2020 às 19:52 • Última atualização 25 mar 2020 às 20:37

A Secretaria de Saúde de Nova Odessa anunciou nesta quarta-feira (25) que vai comprar 20 novos respiradores para o Hospital e Maternidade Municipal Doutor Acílio Carreon Garcia. Os equipamentos são mais uma medida para lidar com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), pois são considerados essenciais para a sobrevivência e recuperação de pacientes graves.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Hospital Municipal Dr. Acílio Carreon Garcia, em Nova Odessa, receberá 20 novos respiradores

O recurso para a compra virá da realocação de R$ 600 mil do Fundo Municipal de Habitação. O projeto de lei que autoriza a sua utilização já foi encaminhado à câmara depois de reunião entre o prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza (PSDB) e o presidente do Legislativo, Vagner Barilon (PSDB). O texto deve ser votado pelos vereadores em sessão extraordinária nesta sexta-feira (27).

Clique aqui e se inscreva no nosso canal do Telegram e receba as notícias no seu celular!

De acordo com informações da secretaria de Saúde, o processo de compra está sendo finalizado e os equipamentos devem ser entregues em até 30 dias. O menor preço encontrado pela administração juntos aos fornecedores foi R$ 28 mil por unidade.

Saiba tudo sobre o coronavírus, o que ele provoca e como se prevenir

“A gravidade do momento que vivemos exige a adoção de medidas por parte da prefeitura. O reforço da capacidade de respiradores em nosso hospital é, sem dúvida, uma medida prudente para o enfrentamento desta pandemia”, disse o secretário responsável pela pasta, Vanderlei Cocato.

Podcast: Sete edições do Além da Capa para ouvir durante a quarentena

Atualmente, a cidade conta com oito respiradores, mas quatro são alugados. Os equipamentos chegaram assim que a pandemia foi decretada pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Publicidade