Nova Odessa revoga inscrições para Conselho Tutelar

De acordo com a administração, o edital de reabertura das inscrições será publicado ainda nesta semana


O CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) de Nova Odessa revogou o edital de abertura das inscrições para candidatos ao Conselho Tutelar. O órgão diz ter detectado erros nos quesitos para concorrer à eleição. O salário é de R$ 2.641 e o mandato dura quatro anos.

O documento foi publicado no início de maio e recebeu 41 candidaturas. O número de pedidos impugnados (24) foi maior do que o de candidatos aceitos (17).

“A medida foi tomada para garantir a clareza dos atos e possibilitar o acesso igualitário a todos os interessados em concorrer as cinco vagas do conselho tutelar da cidade, órgão fundamental na defesa dos direitos da criança e do adolescente”, afirmou a assessoria de imprensa da Prefeitura de Nova Odessa.

De acordo com a administração, o edital de reabertura das inscrições será publicado ainda nesta semana. O candidato precisa ter, no mínimo, 21 anos, ensino superior completo, morar em Nova Odessa há mais de dois anos, estar em dia com seus direitos políticos, possuir “idoneidade moral reconhecida”, CNH dentro do prazo de validade, conhecimento básico de informática e não estar exercendo ou concorrendo a cargo político.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora