19 de Maio de 2020 Atualizado 23:32

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Covid-19

Nova Odessa compra 1,5 mil exames para Covid-19

Contrato foi firmado via dispensa de licitação ao custo de R$ 430 mil; modalidade está prevista em casos de calamidade pública

Por André Rossi

06 Maio 2020 às 08:02

De acordo com a prefeitura, são mil testes “rápidos”, cujo valor unitário é de R$ 250 - Foto: João Carlos Nascimento - O Liberal

A Prefeitura de Nova Odessa adquiriu 1,5 mil testes para identificação de possíveis casos do novo coronavírus (Covid-19). O contrato foi firmado via dispensa de licitação com o Laboratório Indaiatuba J.A. ao custo de R$ 430 mil.

A publicação ocorreu na edição desta terça-feira do Diário Oficial. O vínculo é válido por 180 dias.

Para justificar a dispensa de licitação, a prefeitura citou o artigo 24 da Lei de Licitações (8.666/93), que autoriza o uso da modalidade em casos de emergência ou calamidade pública. Em Nova Odessa, o decreto de calamidade pública está vigente desde o dia 25 de março.

De acordo com a prefeitura, são mil testes “rápidos”, cujo valor unitário é de R$ 250. Os outros 500 são do tipo “PCR” – Proteína C, utilizados apenas em casos considerados graves. Cada um sai por R$ 360.

“As entregas serão feitas de acordo com a necessidade da Secretaria e os pagamentos, de acordo com o volume entregue. Os testes estão sendo realizados pelo laboratório de acordo com a demanda médica”, informou a administração.