09 de agosto de 2022 Atualizado 23:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Projeto

Na espera de R$ 1,6 milhão, sede do Corpo de Bombeiros pode ser alugada em NO

Verba do governo estadual que viria para a construção do espaço ainda não chegou para a administração

Por Maria Eduarda Gazzetta

30 de julho de 2022, às 09h06

A Prefeitura de Nova Odessa está dependendo de um local para poder implantar o complexo de segurança, que inclui a base do Corpo de Bombeiros da PM (Polícia Militar) na cidade.

A verba, no valor de R$ 1,6 milhão, que seria viabilizada pelo deputado estadual Rafa Zimbaldi (PL) junto à Secretaria de Desenvolvimento Regional para a construção do novo complexo, ainda não chegou aos cofres municipais. Por conta disso, um prédio pode ser alugado.

Rafa Zimbaldi e e o prefeito Leitinho; deputado deve viabilizar verba para nova sede dos bombeiros – Foto: Prefeitura de Nova Odessa / Divulgação

O vice-prefeito, Alessandro Miranda, o Mineirinho (PSD), pediu na última terça, durante reunião dos membros do Conselho de Desenvolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas), agilidade na liberação dos recursos prometidos, cujo convênio foi assinado em novembro de 2021.

Ao LIBERAL, a equipe do deputado informou que o pedido da verba foi realizado em fevereiro à secretaria estadual, mas que está em análise.

“A secretaria faz convênio com vários municípios e existe um critério para liberação dessas verbas. O recurso de Nova Odessa foi solicitado e a informação que temos é que por conta do período eleitoral, o pedido não pode ser analisado neste momento”, informa a equipe.

A liberação de verbas estaduais ou federais é impedida por lei no prazo de 2 de julho até outubro.

A Secretaria de Desenvolvimento Regional foi questionada sobre os trâmites da liberação, no entanto, a assessoria informou que não há pedido de convênio do deputado para o município. “Não existe demanda com este objeto ou valor, formalizada ou registrada em sistema da Secretaria de Desenvolvimento Regional”.

ALTERNATIVA
O comandante do 3º subgrupamento de bombeiros, o capitão Bruno Gobbo, disse que todo o efetivo para trabalhar em Nova Odessa já está quase montado, e que viaturas e equipamentos estão comprados.

“Todo o resto já está pronto para servirmos a população, só falta o prédio. Eu estou fazendo uma pesquisa para achar um prédio adequado para levar à prefeitura. Outras cidades que estão na mesma situação estão locando prédios até que seja construído o complexo. Talvez essa seja uma solução possível, caso a prefeitura julgue viável”, afirmou.

Questionada se estuda a possibilidade de alugar um prédio, a administração disse que “mantém a confiança no cumprimento do compromisso assumido e, portanto, ainda aguarda a liberação do recurso prometido para esta finalidade”. 

Publicidade