Casa é atingida por disparos de arma em Nova Odessa

Homens foram detidos pela Guarda Municipal sob suspeita de serem autores dos disparos, que atingiram residência de um pedreiro; ninguém se feriu


A Polícia Civil de Nova Odessa vai investigar dois homens – um ajudante de 21 anos e um auxiliar de marceneiro de 21 – por suspeita de dispararem uma arma de fogo na manhã do último domingo (30). Os disparos ocorreram na Rua Irineu José Bordon, no Nossa Senhora de Fátima, e atingiram a casa de um pedreiro. Ninguém ficou ferido.

Uma bala acertou a porta da garagem e outra o ferrolho de um portão. A vítima acionou a Guarda Municipal e os dois suspeitos tentaram fugir subindo nos telhados das casas vizinhas.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Caso foi registrado no Plantão Policial de Nova Odessa

Um deles caiu de um muro, sofreu ferimentos leves e foi atendido no Hospital Municipal de Nova Odessa. O outro foi detido quando voltava para casa. Segundo o registro de ocorrência, os dois estavam “bastante alterados”, ofenderam e tentaram agredir os guardas, mas acabaram algemados e encaminhados ao Plantão Policial.

Os guardas realizaram buscas na região e, com autorização da proprietária do imóvel, no quarto da casa de um deles, mas não localizaram a arma. O espaço tinha objetos que, segundo a ocorrência, eram usados em “ uma espécie de ritual de magia negra”.

O Instituto de Criminalística esteve no local e realizou exame pericial. Um projétil foi recolhido e também passará por perícia.

O caso será investigado como disparo de arma de fogo, crime previsto no Estatuto do Desarmamento. A pena prevista, em caso de condenação, varia entre dois e quatro anos de prisão.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora