Bill aguarda aval para empréstimo de R$ 1 milhão

Projeto encaminhado à Câmara de Nova Odessa indica que dinheiro será usado na modernização da frota municipal


O prefeito de Nova Odessa, Benjamim Bill Vieira de Souza (PSDB), quer a autorização da Câmara para contratar um empréstimo de R$ 1 milhão junto à Caixa Econômica Federal. Segundo a proposta, o dinheiro será usado para modernizar a frota municipal.

O acordo seria fechado através da Finisa (Financiamento à Infraestrutura e Saneamento), linha de crédito do banco estatal para investimentos. O prazo previsto para o pagamento é de 120 meses – contados a partir da data de assinatura do contrato – com “carência” de 24 meses. A taxa de juros é de 5,7% ao ano.

Isso significa que, se o empréstimo for assinado em janeiro de 2019, a primeira parcela da dívida será paga apenas em janeiro de 2021, quando Bill não estará mais no cargo.

Como garantia de pagamento das parcelas, o projeto permite ao município abrir mão – em caso de inadimplência – de cotas do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) e do ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços).

Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Nova Odessa, a administração pretende utilizar os recursos para a compra de veículos de passeio para serviços administrativos (como Obras, Fiscalização e Transportes), uma van para a Secretaria de Saúde, caminhonetes para o setor de Parques e Jardins, picapes para a Secretaria de Meio Ambiente e máquinas para varrição e corte de grama. Alguns dos veículos usados hoje nesses serviços têm entre 16 e 27 anos de uso.

“A Administração tentou o recurso por meio de emendas parlamentares, mas não obteve êxito, e o governo federal não abriu nenhum programa, em 2017 e 2018, que atendesse a demanda. Trata-se de um financiamento (linha Finisa) que saiu agora no 2º semestre e, então, apresentamos a carta-consulta”, argumentou a prefeitura.

Finalidade do empréstimo

* Dois veículos de passeio para serviços administrativos/transporte (atendendo toda a prefeitura).
* Dois veículos de passeio para serviços administrativos (Secretaria de Obras e o Setor de Fiscalização)
* Uma van com, no mínimo, 14 lugares para transportar pacientes da Saúde (para substituir dois veículos Doblô, todos com quilometragem na casa de 250 mil km. Um deles está quebrado)
* Uma caminhonete para a equipe de Parques e Jardins (esse veículo vai substituir a F-4000 ano 1991, de 27 anos de uso e quase 200 mil km). A ideia é repassar esse veículo para os profissionais que atuam no setor de galerias
* Uma caminhonete para a equipe de Parques e Jardins, que vai substituir uma F-4000 ano 2002 (16 anos de uso). A ideia é que esse veículo baú ganhe uma carroceria e seja usado para serviços gerais
* Duas picapes, sendo um para a Secretaria de Meio Ambiente e outro para a equipe de Parques e Jardins
* Uma varredeira com sistema de coleta por aspiração
* Um trator “giro zero” para o corte de grama

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!