20 de abril de 2021 Atualizado 11:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Covid-19

Prefeitura de Hortolândia decreta luto de sete dias após morte de Perugini

Bandeiras deverão ser hasteadas a meio mastro nas repartições públicas municipais neste período

Por Leonardo Oliveira

01 abr 2021 às 16:50 • Última atualização 02 abr 2021 às 10:21

O prefeito em exercício de Hortolândia, José Nazareno Gomes, o Zezé (PL), decretou luto oficial de sete dias na cidade pelo falecimento do prefeito Angelo Perugini (PSD), na manhã desta quinta-feira (1), em virtude do novo coronavírus (Covid-19).

Um decreto foi publicado no Diário Oficial do município para oficializar a medida. Durante o período de luto, as bandeiras deverão ser hasteadas a meio mastro nas repartições públicas municipais.

Segundo a Secretaria de Saúde, as unidades básicas e demais unidades de atenção especializada funcionarão no horário normal, nesta quinta-feira e também na segunda-feira (5), após o feriado de Páscoa. A campanha de vacinação também continua a ser feita, normalmente, nas datas e horas agendadas.

As unidades de urgência e emergência, tais como Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), Unidade Respiratória Jardim Nova Hortolândia, UPAs-24h (Unidades de Pronto Atendimento) e Hospital Municipal mantêm o atendimento 24 horas.

Perugini estava internado desde 1º de fevereiro, mesmo dia em que recebeu o diagnóstico positivo para a doença. Ele deu entrada no Hospital Samaritano, em Campinas e no dia 3 do mesmo mês foi transferido para um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital de São Paulo, onde foi intubado seis dias depois, em 9 de fevereiro.

O político teve momentos de estabilidade e sinais de melhora em meio ao tratamento na UTI, de acordo com os boletins divulgados pela Prefeitura de Hortolândia no período. O estado de saúde agravado foi comunicado no dia 24 de março, enquanto o óbito foi informado nesta quinta.

Publicidade