01 de março de 2021 Atualizado 23:05

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Covid-19

Hortolândia chega a 200 mortes por coronavírus

Uma das vítimas tinha 24 anos e estava internado na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia

Por Marina Zanaki

25 jan 2021 às 19:56

Hortolândia confirmou mais três vítimas do novo coronavírus (Covid-19) e alcançou nesta segunda-feira (25) a marca das 200 mortes provocadas pela pandemia.

Um dos pacientes informados no boletim era um jovem de 24 anos. Ele foi internado na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia no dia 11 de janeiro e morreu no dia 21.

Outra vítima era uma mulher de 62 anos que ficou mais de um mês internada. Ela foi internada na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia no dia 1° de dezembro e transferida para o Incor, em São Paulo, no dia 4 do mesmo mês. Ela não resistiu e morreu no dia 17 de janeiro.

A terceira vítima era um idoso de 92 anos que morreu no dia 20 de janeiro. Ele estava internado no Hospital Samaritano, em Campinas.

Os três pacientes tinham outras comorbidades.

Hortolândia tem 7.259 casos confirmados, dos quais 6.908 estão recuperados, 127 estão em casa e 24 estão internados aguardando resultados de exames, além das 200 mortes.

Há ainda 22 moradores internados com suspeita para a doença e 995 pessoas aguardando resultado de exame.

Fiscalização
A Prefeitura informou que vai realizar fiscalizações no período de vigência da fase vermelha. De segunda a sexta-feira após as 20h, e aos finais de semana durante o dia todo, estão autorizados a funcionar somente serviços essenciais, como supermercados, farmácias, postos de combustível, padarias e unidades de saúde.

Segundo dados do Núcleo Estratégico da Guarda Municipal, a cidade acumula, de janeiro de 2020 até 17 de janeiro, o total de 3.044 ocorrências de perturbação de sossego, em espaços públicos e privados, 16 somente em 2021.

Em média, de acordo com a Secretaria de Governo, são realizadas 1.500 visitas por mês. Nestas ações de fiscalização, estabelecimentos que descumprem as regras do Decreto Municipal podem ser multados, em valores que variam desde R$ 1 mil até R$ 30 mil.

“A Operação de Orientação e Fiscalização sobre o Coronavírus nos comércios tem se intensificado, a cada dia. Desde 21 de março, equipes da Administração Municipal percorrem a cidade, de domingo a domingo, das 9h às 23h. O trabalho orientativo e fiscalizador, para conter a disseminação do vírus, é realizado em todas as regiões de Hortolândia por uma força tarefa formada pelo Setor de Fiscalização, Secretaria de Governo, a Vigilância Sanitária, da Secretaria de Saúde, o departamento de Posturas, da Secretaria de Planejamento e pela Guarda Municipal”, disse a prefeitura.

Publicidade