20 de Maio de 2020 Atualizado 15:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Polícia

Homem oferece suborno a policiais e é preso

Polícia localizou mais de cinco quilos de drogas e prendeu três homens no Jardim Novo Ângulo, em Hortolândia

Por Marina Zanaki

20 Maio 2020 às 12:46 • Última atualização 20 Maio 2020 às 15:15

A PM (Polícia Militar) de Hortolândia prendeu três homens e localizou 5,4 quilos de drogas na manhã desta terça-feira (19) em um condomínio no Jardim Novo Ângulo. Durante a abordagem, um dos suspeitos ofereceu como suborno parte de um carregamento de R$ 3 milhões, referentes à venda de maconha, e duas armas aos militares.

Drogas e armas apreendidas pela Polícia Militar – Foto: Polícia Militar/Divulgação

Os militares estavam realizando patrulhamento por volta das 10h20 e decidiram entrar no Condomínio França, localizado na Avenida Sabina Batista de Camargo, de acordo com o registro de ocorrência policial.

No estacionamento, viram um homem em atitude suspeita dentro de um veículo Peugeot. Ao ver os policiais, ele se assustou e foi até um outro homem que estava no estacionamento, junto a um Palio Weekend.

Os militares abordaram a dupla. O homem que estava junto ao Palio informou que é pedreiro e estava indo trabalhar. O homem que estava no Peugeot alegou que trabalhava junto com o outro.

Os policiais revistaram os carros e encontraram grande quantidade de drogas no Peugeot. No banco traseiro havia uma bolsa com seis tijolos e meio de maconha, um tijolo e outros três pedaços de crack. No assoalho entre os bancos dianteiro e traseiro havia ainda uma sacola com 25 pedaços de maconha.

No porta-malas do veículo, os militares encontraram uma pasta com cópias de diversos documentos no nome de um outro homem. O suspeito que estava no veículo contou que o dono do carro era um morador do prédio.

Os militares solicitaram apoio do Comando de Força Patrulha e foram até o bloco indicado pelo suspeito.

Ao localizar o apartamento do proprietário do Peugeot, informaram que haviam encontrado drogas no carro dele. O homem admitiu a posse das substâncias e o apartamento foi revistado, mas nada foi localizado. Com ele, havia R$ 610, que foram apreendidos.

‘Oferta’

O suspeito tentou, então, subornar os policiais pela primeira vez – ele indicou o apartamento onde havia duas armas que os militares poderiam levar caso não o levassem preso.

Os militares fizeram o cerco no apartamento indicado, localizaram as armas escondidas no fundo falso de um galão de água. As pistolas eram uma Taurus calibre .380 e uma SCCY calibre 9mm. Também foram encontrados carregadores intactos.

No local, foram localizados ainda 19 kits de crack prontos para a venda. O homem que estava no apartamento havia saído recentemente do sistema prisional e foi detido.

De volta ao apartamento do suspeito, este tentou pela segunda vez subornar os policiais, oferecendo parte dos R$ 3 milhões que ele receberia em alguns dias pela venda de um carregamento de maconha.

Os três suspeitos foram detidos e apresentados ao plantão policial. Eles foram presos em flagrante por tráfico de drogas, associação para tráfico, posse de arma de fogo de uso restrito, corrupção ativa, desobediência e resistência.