Escola de Hortolândia será revitalizada por 25 detentos – O Liberal

Escola de Hortolândia será revitalizada por 25 detentos

Emef. Profª Lilian Cristiane Martins de Araújo está entre as beneficiadas pelo programa "Escola + Bonita" e recebe serviços de manutenção nas férias


Vinte e cindo reeducandos de Hortolândia irão repintar a Emef. Profª Lilian Cristiane Martins de Araújo, localizada no Jardim Estefania, na mesma cidade. A escola está entre as 35 unidades educacionais em 18 municípios de todo o Estado de São Paulo contempladas com a pintura de detentos em regime semiaberto, de acordo com informações divulgadas pela SAP (Secretaria da Administração Penitenciária).

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Clique aqui e envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

Segundo a assessoria de comunicação de Hortolândia, a parceria por meio do programa “Escola + Bonita” acontece desde o ano passado. As atividades de pintura são realizadas em conjunto com a equipe de Manutenção Escolar, sempre no período de férias.

Foto: SAP - Divulgação
Detentos em regime semiaberto atuam em parceria com a equipe de Manutenção Escolar na recuperação de prédios escolares

Capacitados por meio do Via Rápida, programa com cursos na área de construção civil, os reeducandos contribuem para a recuperação de prédios públicos e, consequentemente, melhores condições de ensino.

Outro ponto positivo da ação, destacado pela SAP, é a reintegração social, já que os detentos têm a oportunidade de deixar o sistema prisional com qualificação e experiência profissional.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

Iniciado em 2016, o programa Via Rápida é dividido em dois módulos, com 20 horas de aulas teóricas e 80 horas de aulas práticas. No ano passado, 459 prédios públicos foram repintados por intermédio do programa e 12.200 reeducandos do sistema prisional de São Paulo foram capacitados.

De acordo com a SAP, as escolas são uma prioridade, mas hospitais, delegacias, asilos, centros comunitários e outros tipos de prédios públicos também já foram beneficiados.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora