08 de maio de 2021 Atualizado 11:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Campinas

Toque de Recolher aborda 814 veículos e 1.194 pessoas em Campinas

Agentes dos órgãos de fiscalização da prefeitura ainda vistoriaram 75 estabelecimentos comerciais, sendo que 7 foram fechados e um lacrado

Por Milton Paes

21 abr 2021 às 19:14 • Última atualização 21 abr 2021 às 19:15

Os bloqueios da operação Toque de Recolher de Campinas abordaram, entre a noite de terça-feira (20) e a manhã desta quarta-feira (21), 814 veículos e 1.194 pessoas. Na ação, os motoristas são orientados sobre as medidas sanitárias para conter a transmissão do coronavírus.

De acordo com o decreto da fase de transição publicado no último sábado (17), o Toque de Recolher continua em Campinas.

Ações de bloqueio do Toque de Recolher seguem sendo realizadas em Campinas – Foto: Guarda Municipal de Campinas / Divulgação

Além das ações do Toque de Recolher, agentes dos órgãos de fiscalização da prefeitura realizaram vistorias durante esta terça-feira em 75 estabelecimentos comerciais – destes, sete foram fechados e um lacrado.

Em 34 dias de atividade, as ações realizadas de domingo a domingo já somam 14.389 veículos abordados, 22.518 pessoas orientadas sobre as medidas sanitárias e 2.853 estabelecimentos comerciais fiscalizados. Destes, 309 foram fechados e 97 lacrados.

A ação consiste em abordar veículos e questionar os ocupantes sobre o motivo pelo qual estão na rua. As pessoas são orientadas a voltar para casa se o deslocamento não se der por uma razão emergencial ou de trabalho. Não há multa ou punição, o objetivo da atividade é educativo e de orientação. Os bloqueios são realizados pela Guarda Municipal, que uniu esforços com as polícias militar e civil.

Além das barreiras, a prefeitura também intensificou a fiscalização, que tem como objetivo verificar se os estabelecimentos comerciais estão cumprindo as determinações dos decretos municipais vigentes. Os dados contemplam as fiscalizações realizadas por agentes municipais de órgãos como Vigilância Sanitária e Secretaria de Planejamento e Urbanismo.

Publicidade