27 de fevereiro de 2021 Atualizado 11:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Campinas

Força-tarefa de Carnaval realiza novas operações em Campinas

Equipes de fiscalização da prefeitura estão realizando operação especial para evitar aglomerações nos dias de Carnaval

Por Milton Paes

16 fev 2021 às 11:10

A operação especial realizada pela equipe de fiscalização da Prefeitura de Campinas visando evitar aglomeração e eventos sem autorização nos dias de Carnaval registrou entre a noite desta segunda (15) e a madrugada desta terça feira (16), 18 atendimentos de perturbação de sossego público e quatro atendimentos de denúncias de pancadões. Nada foi constatado pela GM (Guarda Municipal) nos locais informados.

Acompanhe a cobertura do LIBERAL sobre Campinas

A guarda informou ainda que foram realizados três atendimentos de descumprimento de medidas sanitárias. Em um bar no Jardim Itaguaçu, estavam 30 pessoas. Outro bar, no Cambui, 10 pessoas estavam glomeradas ao fundo do estabelecimento. Já no bairro Bonfim, 25 pessoas estavam aglomeradas em outro estabelecimento. Todos estabelecimentos foram fechados pelas equipes da guarda municipal.

Fazem parte da força-tarefa especial de Carnaval fiscais da Vigilância Sanitária, do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) da Secretaria Municipal de Saúde; Defesa Civil; Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplurb) e Setec (Serviços Técnicos Gerais) com apoio da guarda municipal de Campinas e da Polícia Militar. A operação termina nesta terça-feira.

Fim de semana
Neste fim de semana, a Guarda Municipal e a Polícia Militar dispersaram mais de 20 mil pessoas que estavam aglomeradas em vários pontos de Campinas como praças, bares e chácaras, entre outros. No período foram encerrados mais de 20 eventos clandestinos promovidos e divulgados através de redes sociais.

Foram 105 ocorrências de perturbação de sossego, 42 ocorrências de pancadão, 152 autuações de trânsito em locais de pancadão e aglomeração de pessoas, e 57 estabelecimentos fechados por descumprimento das medidas sanitárias.

Publicidade