13 de maio de 2021 Atualizado 23:57

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Campinas

Ceasa e prefeitura assinam contrato com cooperativa de reciclagem

Cooperativa Unidos da Vitória já atua dentro da Ceasa desde 2010, em um espaço cedido, e agora passa a ser contratada

Por Milton Paes

29 abr 2021 às 17:03

A Ceasa (Centrais de Abastecimento de Campinas S.A) e a Prefeitura de Campinas assinaram nesta quinta-feira (29) contrato com a cooperativa de reciclagem Unidos na Vitória para os serviços de coleta, separação e destinação de material reciclável, provenientes de permissionários e clientes. A cooperativa Unidos da Vitória já atua dentro da Ceasa desde 2010, em um espaço cedido, e agora passa a ser contratada e a receber um valor mensal de cerca de R$ 14.800,00.

O prefeito Dário Saadi (Republicanos) destacou sobre o trabalho realizado pelas cooperativas. “O trabalho das cooperativas de reciclagem é fundamental, gera emprego e renda, além de cuidar do meio ambiente. Estamos trabalhando para ajudar as cooperativas na questão da documentação, para que possamos ampliar o número de contratadas”, disse.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

Até então, a renda da cooperativa era somente com a comercialização do material coletado, feita pelos próprios cooperados. São 21 cooperados que coletam uma média de 40 toneladas de resíduos por mês na Ceasa. “Este aporte financeiro vai aumentar a renda dos cooperados e é uma forma de ampliar o giro da economia”, afirmou o presidente da Ceasa, Valter Greve.

O presidente da cooperativa, José Carlos da Silva, comemorou e agradeceu pela conquista. “Esta renda vem em boa hora e também aumenta a nossa responsabilidade. Só tenho a agradecer a todos que estão nesta luta, somos todos parceiros”, declarou.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Com o contrato, a Ceasa fará uma gestão de resíduos de forma mais regulada e com fiscalização no trato dos resíduos recicláveis. O contrato é por 12 meses e poderá ser prorrogado.

“Os profissionais das cooperativas de reciclagem são muito guerreiros, trabalhando de sol a sol, chuva a chuva, domingo a domingo. Temos a vocação de olhar para frente. Está muito bom e vai melhorar ainda mais”, considerou o presidente da Reciclamp (Cooperativa Central de Coleta e Comercialização de Materiais Recicláveis e Reutilizáveis de Campinas e Região), que reúne diversas cooperativas, Valdecir Viana.

Publicidade