18 de abril de 2021 Atualizado 17:16

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Covid-19

Campinas registra mais 60 mortes causadas pelo novo coronavírus

Número corresponde às mortes confirmadas nas últimas 72 horas; ocupação de leitos é de 97,7%

Por Milton Paes

29 mar 2021 às 21:57 • Última atualização 29 mar 2021 às 22:00

A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou nesta segunda-feira (29) o óbito de mais 60 pessoas pelo novo coronavírus (Covid-19). O número corresponde às mortes confirmadas nas últimas 72 horas.

O número é mais um alerta para a população sobre a importância das medidas mais restritivas adotadas pelo município, como o toque de recolher, barreiras sanitárias e o fechamento de serviços não essenciais.

A maioria dos óbitos é referente ao período anterior às ações adotadas por Campinas e ao início da Fase Emergencial do Plano São Paulo, uma vez que as pessoas ficam internadas, em média, por 18 dias.

No caso dos dados divulgados nesta segunda-feira, as mortes ocorreram entre 6 de fevereiro e 29 de março; porém, na maioria deles, os sintomas foram observados entre 18 de janeiro e a primeira quinzena de março.

Leitos ocupados
Campinas tinha nesta segunda-feira 188 pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) à espera de leitos de enfermaria e de UTI para atendimento de Covid-19 no SUS municipal. São 107 pessoas aguardando por leitos de UTI e 81 pacientes para leitos de enfermaria

O município conta com 436 leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19 nas redes pública e particular de saúde. Deste total, 426 estão ocupados, o que corresponde a 97,7%. Há 10 leitos livres nas redes pública e particular.

No SUS Municipal são 153 leitos, todos ocupados. No SUS Estadual são 40 leitos, dos quais 39 estão ocupados, o que corresponde a 97,5%. Há 1 leito disponível. Na rede particular são 243 leitos, dos quais 234 estão ocupados, o que equivale a 96,3%. Há 9 leitos aptos.

A Prefeitura de Campinas reforça que a melhor prevenção ainda é o distanciamento social, o uso de máscara e a higienização das mãos. E ressalta que segue organizando a campanha de vacinação contra a Covid-19, com agendamento para as pessoas de acordo com a chegada das doses da vacina.

Segundo o vacinômetro do Governo do Estado de São Paulo, Campinas aplicou 176.440 doses da vacina contra a Covid-19, sendo 134.701 em primeira dose e 41.739 em segunda dose

Publicidade