17 de abril de 2021 Atualizado 00:20

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Campinas

Campinas inicia cadastro de idosos de 80 a 84 anos para vacinação

Agendamento para este grupo começa neste sábado; nova etapa de vacinação tem início na segunda-feira

Por Milton Paes

26 fev 2021 às 19:43

Para receber a vacina, além de fazer o agendamento, é preciso levar um documento de identidade com foto e um comprovante de endereço - Foto: Divulgação - Prefeitura de Campinas

A nova etapa da vacinação contra a Covid-19 em Campinas, agora para pessoas com mais de 80 anos de idade, tem início na próxima segunda-feira (1). O agendamento para este grupo começa neste sábado (27), a partir das 9h, no site www.vacina.campinas.sp.gov.br. O anúncio foi feito na tarde desta sexta-feira (26)  pelo prefeito Dário Saadi, durante transmissão ao vivo pelas redes sociais.

A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Andrea Von Zuben disse que o atendimento só é feito  por agendamento. Para vacinar os idosos com idades entre 80 e 84 anos, serão abertos dois centros de imunização. Um deles na Casa da Criança Paralítica, que fica na Rua Pedro Domingos Vitali, 160, no Parque Itália, e outro no Clube Círculo Militar, localizado na Avenida Getúlio Vargas, 200, no Jardim Chapadão.

Acompanhe a cobertura do LIBERAL sobre Campinas

Os outros dois locais de imunização que são o Centro de Vivência do Idoso e o Caic Zeferino Vaz, continuam aplicando a 2ª dose para os profissionais de saúde e para pessoas acima de 85 anos. As vagas remanescentes destes locais serão disponibilizadas para aplicação da 1ª dose para o grupo de idosos a partir de 80 anos.

Campinas recebeu nesta quinta feira (25) 13.650 doses da vacina Oxford/Astrazeneca. A previsão é aplicar a primeira dose em aproximadamente 13 mil pessoas com idades entre 80 e 84 anos. Os postos irão funcionar, nos dias úteis, das 8h às 22h, e aos finais de semana, das 8h às 18h. Para ser imunizada, a pessoa precisa agendar previamente e, no dia e horário agendados, comparecer ao local apresentando documento com foto e comprovante de endereço.

A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Andrea Von Zuben explicou que o município manterá o mesmo esquema de vacinação que, além de estar sendo bem sucedido, tem sido elogiado. “Campinas está sendo elogiada pela organização e por ser uma das cidades com maior velocidade de aplicação de vacinas. Por isso, reforço que não adianta ir até os postos de vacinação sem agendamento. Só serão vacinados os idosos que agendaram horário”, detalhou.

Haverá a opção de vacinação no carro para idosos com mobilidade reduzida. No entanto, Andrea von Zubem destacou que essa opção pode demorar mais porque apenas o centro de imunização da Casa da Criança Paralítica estará disponível para atender em sistema drive thru.

O prefeito Dário Saadi reforçou que a quantidade de vacinas recebida nesta semana é suficiente para vacinar esse grupo de idosos. Ele também destacou que o ritmo da vacinação está indo muito bem em Campinas.

“Tenho passado frequentemente nos centros de imunização para acompanhar, pessoalmente, o trabalho da equipe de vacinação. Por isso, aproveito para agradecer o empenho de todos que estão se dedicando firmemente para vacinar a população da cidade de Campinas”, afirmou.

Publicidade