24 de fevereiro de 2021 Atualizado 20:08

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Campinas

Campinas confirma primeiro caso de variante do novo coronavírus

Paciente é uma mulher de 78 anos que chegou em Campinas em 14 de janeiro, vinda de um voo direto de Manaus (AM)

Por Marina Zanaki

15 fev 2021 às 16:38 • Última atualização 15 fev 2021 às 16:48

Caso foi identificado imediatamente como uma suspeita pelas autoridades de saúde do Aeroporto de Viracopos - Foto: Background photo created by wirestock - www.freepik.com

Campinas identificou o primeiro caso de variante do novo coronavírus (Covid-19). A paciente é uma idosa de 78 anos que veio de um voo direto de Manaus (AM) no dia 14 de janeiro já com sintomas da doença. Segundo a Prefeitura de Campinas, não há registro que ela tenha transmitido o vírus a outras pessoas da cidade.

O caso foi identificado imediatamente como uma suspeita pelas autoridades de saúde do Aeroporto de Viracopos, onde ela desembarcou. Os passageiros próximos à idosa e suas duas filhas foram monitorados.

Ao chegar na cidade, a paciente foi encaminhada para uma unidade de saúde e depois internada em um hospital particular, onde permaneceu até 25 de janeiro.

“Até terminar o período de contágio, ela não circulou pela cidade, o que facilitou o monitoramento e controle do caso”, disse a Secretaria de Saúde.

Depois de receber alta, a paciente partiu da cidade. A idosa não é residente em Campinas.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o resultado do exame feito pelo Instituto Adolfo Lutz saiu neste final de semana.

“Importante ressaltar que todos os protocolos foram seguidos e não há, até o momento, outros casos da nova variante registrados na cidade. O sistema de vigilância epidemiológica está atento para identificação desta variante em casos de pacientes residentes em Campinas”, garantiu a pasta municipal.

Na RPT (Região do Polo Têxtil), nenhuma cidade registrou caso positivo de variantes do coronavírus até o momento.

Além de Campinas, três cidades do interior confirmaram casos de mutação da Covid-19. A variante brasileira, que teve origem em Manaus, contabiliza 25 casos no Estado de São Paulo.

Em Araraquara, a prefeitura decretou lockdown por 15 dias depois de detectar duas variantes do vírus – a de Manaus e a do Reino Unido – em 11 pacientes.

A Prefeitura de Jaú confirmou a variante de Manaus em amostras de três pacientes, e um caso da variante também foi registrado em Águas de Lindoia.

Publicidade