Vanderlei Macris é eleito presidente da CPI do BNDES

Comissão vai investigar as operações de internacionalização de empresas brasileiras, feitas pelo BNDES, entre 2003 e 2015


Foto: Câmara dos Deputados / Divulgação
“A comissão tem poder de polícia e tem condições de dar profundidade a essa investigação”, afirmou

Autor do requerimento de criação, o deputado federal de Americana, Vanderlei Macris (PSDB), foi eleito presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que vai investigar as operações de internacionalização de empresas brasileiras, feitas pelo BNDES, entre 2003 e 2015.

O tucano indicou Altineu Cortes (PP-RJ) como relator da comissão. Após a eleição, Macris disse que as duas últimas comissões firmadas com o mesmo propósito eram “chapa branca” e que o objetivo, agora, é ir a fundo nas supostas irregularidades.

“A comissão tem poder de polícia e tem condições de dar profundidade a essa investigação”, afirmou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!