06 de junho de 2020 Atualizado 12:40

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Covid-19

Usuários reclamam da falta de assistência no transporte em Americana

Cancelamento de linhas sem aviso, operação com horários imprevisíveis e falta de informação são reclamações daqueles que continuam usando ônibus

Por Isabella Holouka

01 abr 2020 às 17:49 • Última atualização 03 abr 2020 às 09:43

Profissionais que atuam em serviços considerados essenciais em Americana e utilizam ônibus como meio de transporte reclamam da falta de assistência da Sancetur, que opera o transporte público na cidade com o nome Sou Americana. Dentre as reclamações, eles apontam o cancelamento de linhas sem aviso prévio, operação com horários imprevisíveis e dizem que tentam contato com a empresa para informações e não conseguem.

Clique aqui e se inscreva no nosso canal do Telegram e receba as notícias no seu celular!

O açougueiro Júlio Cezar Araújo de Paiva, de 26 anos, mora no Jardim Brasil e trabalha em um supermercado na Avenida Abdo Najar. Ele relata que foi informado sobre o cancelamento da linha 103 por um motorista e que teme ser dispensado do trabalho caso os seus atrasos, causados pelos problemas com o transporte, continuem.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Suspensão de linhas e mudanças de horários vêm causando problemas aos usuários

“Eles não tem horário, não avisam nada, vou para o ponto de ônibus e não passa. A gente fica sem saber de nada, para quem continua trabalhando fica difícil. Eu já gastei mais de R$ 150 para vir trabalhar de Uber, tenho os recibos. Eles tinham que favorecer a gente que está trabalhando ainda e atendendo à população”, reclama Júlio.

Saiba tudo sobre o coronavírus, o que ele provoca e como se prevenir

Na mesma situação está o balconista de frios Alan Vaz de Lima, de 25 anos, morador do Parque Universitário. “Vai fazer umas três semanas que eu venho trabalhar somente de Uber. As linhas que eu usava foram canceladas. Está saindo caro, porque duas corridas são quase o que eu recebo por dia trabalhado”, afirma.

O carteiro Leandro Vaz de Azevedo, de 37 anos, conta que os colegas de trabalho estão desconfiados com os horários dos ônibus, sem ter onde conferi-los. “Nós não paramos, somos um serviço essencial, queríamos pelo menos um parecer da empresa responsável pelo transporte para estarmos no ponto no horário certo e poder trabalhar”, reclama.

Redução

Uma redução de 20% na frota, fora de horários de pico, foi anunciada no dia 19 de março como forma de evitar a aglomeração de pessoas, devido aos riscos de contágio do novo coronavírus (Covid-19). Na ocasião, a decisão foi anunciada pela prefeitura mas decidida em conjunto com a empresa. Entretanto, não foi divulgada uma relação atualizada das linhas, com possíveis cancelamentos ou mudanças de horários.

Depois, no dia 23, a empresa informou que o posto de atendimento seria fechado em função da pandemia, por meio da Utransv (Unidade de Transportes e Sistema Viário), que disse que a medida era por tempo indeterminado. Os atendimentos seriam feitos pelo telefone (19) 97408-6678 ou pelo email vt@souamericana.com.br.

A reportagem procurou a Sancetur (SOU Americana) nesta quarta-feira (1º), que alegou apenas seguir orientações da prefeitura. A empresa disse ainda que a administração municipal deveria ser questionada sobre os horários de linhas e possíveis cancelamentos.

A Prefeitura de Americana também foi questionada e respondeu que, segundo a Utransv, houve a redução de 20% na circulação da frota de ônibus inclusive nos horários de pico devido à redução do número de passageiros. “Quanto aos horários e linhas, a Utransv deverá informar nesta quinta-feira”, afirmou em nota.

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e à quarentena vigente no estado de São Paulo, como ficam os direitos de consumidores em relação ao cumprimento de contratos de prestação de serviço? Em relação a festas ou à frequência na academia e na escola, por exemplo? O episódio do Além da Capa desta quarta-feira trata dessas questões.

{{1}}