22 de outubro de 2020 Atualizado 22:23

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Clima

Umidade relativa do ar cai e chega a 13,8% em Americana

Segundo a OMS, níveis abaixo de 20% colocam a cidade em estado de alerta; veja as recomendações

Por Marina Zanaki

27 set 2020 às 16:43 • Última atualização 27 set 2020 às 16:44

As altas temperaturas associadas ao tempo seco fizeram com que a umidade relativa do ar de Americana despencasse neste domingo (27).

Às 14h, o índice chegou a 13,8% na cidade, o valor mais baixo desse domingo. Pelos parâmetros da OMS (Organização Mundial da Saúde), a cidade entrou em estado de alerta.

Umidade relativa do ar caiu a 13,8% em Americana neste domingo, o que é considerado um nível preocupante – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Essa foi o menor índice observado na cidade nos últimos sete dias – a região viu as temperaturas caírem nos primeiros dias da Primavera após a chegada de uma frente fria, mas o calor começou a retornar desde quarta-feira (23).

Os termômetros chegaram a marcar 37,7° às 15h deste domingo. No dia mais quente do ano, em 13 de setembro, Americana havia registrado essa mesma temperatura. Na ocasião, a umidade caiu a 12,25%.

Os dados foram levantados junto ao Ciiagro (Centro Integrado de Informações Agrometeorológicas).

O Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas) da Unicamp já havia alertado para a queda na umidade esse final de semana.

“Devido às temperaturas elevadas e ao baixo teor de vapor de água no ar, a umidade relativa do ar deve continuar registrando valores baixos nos períodos da tarde em todas as regiões mais afastadas do litoral, o que requer cuidados redobrados com a hidratação e umidificação de ambientes”, trouxe o boletim do Centro.

“Além disso, as altas temperaturas podem causar ou agravar condições de saúde como a exaustão pelo calor, especialmente em idosos, crianças e pessoas com problemas cardíacos ou outras doenças crônicas”, alertou.

De acordo com o Cepagri, a Organização Mundial de Saúde considera que, entre 12% e 20%, uma localidade já está em estado de alerta. As orientações para esse nível são:

  • Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 10 e 16 horas;
  • Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água, molhamento de jardins etc;
  • Sempre que possível permanecer em locais protegidos do sol;
  • Consumir água à vontade;
  • Evitar aglomerações em ambientes fechados;
  • Usar soro fisiológico para olhos e narinas;

Previsão
Não há previsão de chuva para os próximos dias em Americana. Segundo o portal Climatempo, nesta segunda-feira (28) a máxima deve bater os 37° e a mínima os 21°.

Publicidade