CDP registra 3 casos de com drogas dentro de marmitas

Na revista, foram encontradas porções de maconha escondidas dentro da carne que estava nas marmitas


Três mulheres foram presas neste domingo (23) ao tentarem entrar com drogas no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Americana. As ações foram semelhantes em ambos os casos – as visitantes levaram marmitas e no interior delas, escondidas dentro da carne, haviam porções de maconha.

De acordo com informações do registro policial, no primeiro caso, por volta das 9h30, uma garçonete de 19 anos levava uma marmita com macarrão e carne para um dos internos. No momento da revista, foram encontradas 13 porções de maconha pesando 21,2 gramas no interior da carne.

Foto: Secretaria de Administração
Três mulheres foram detidas tentando entrar com drogas no CDP

O segundo caso ocorreu às 11h. A mãe de um dos detentos, de 34 anos, tentou entrar com a marmita de macarrão e carne. Dentro do alimento estavam as 51 porções de maconha, totalizando 66,15 gramas do entorpecente.

Na terceira ocorrência, por volta de 12h, a irmã de um dos detentos, de 28 anos, também tentou entrar com a marmita, contendo a mesma refeição. Nesta foram localizados 51 porções de maconha, pesando 58,7g.

Nas três ocorrências, as visitantes negaram envolvimento nos delitos, disseram que haviam recebido as marmitas de uma outra mulher, e que as vasilhas deveriam ser entregues a determinado preso, porém, nenhuma delas forneceram dados suficientes para identificar a quarta envolvida. As três mulheres receberam voz de prisão em flagrante e foram encaminhadas para a Cadeia de Monte Mor.

Um processo disciplinar foi instaurado para averiguar o caso.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora