28 de maio de 2022 Atualizado 14:53

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Clima

Temperatura cai no final da semana, com chegada de chuvas na região

Devido à passagem de uma frente fria pelo oceano, um canal de umidade deve se formar sobre o Estado; Americana registrou 35ºC nesta segunda

Por Stela Pires*

24 Janeiro 2022, às 18h37 • Última atualização 25 Janeiro 2022, às 00h32

A temperatura deve permanecer alta nesta semana e ter redução a partir de sexta-feira na região, com a chegada da chuva. Segundo o Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura) da Unicamp, as máximas ficam entre 32ºC e 33ºC até o final da semana. Nesta segunda, que deve ser o dia mais quente da semana na RMC (Região Metropolitana de Campinas), foi registrada a temperatura de 35ºC em Americana.

O calor enfrentado nos últimos dias se deve ao sistema de alta pressão, que inibe a formação de nebulosidade em parte do Estado. Com isso, há maior entrada de radiação solar, que, persistindo por alguns dias, proporciona aumento nas temperaturas.

“Até quarta ou quinta-feira as temperaturas máximas ainda ficam relativamente elevadas, mas não devem subir tanto porque a gente tem mais condição para formação e desenvolvimento de nuvens e também para pancadas de chuva”, explica o meteorologista do Cepagri, Bruno Bainy.

Devido à passagem de uma frente fria pelo oceano, um canal de umidade deve se formar sobre o Estado, causando mais nebulosidade e chuvas recorrentes. As chuvas devem ocorrer a partir da noite de quinta-feira e persistir até segunda ou terça-feira da próxima semana.

Segundo Bruno, as mínimas se mantêm na casa dos 20ºC e 21ºC, mas a cobertura de nuvens e as chuvas devem inibir as máximas, que ficarão em torno de 25ºC.

Para os próximos dias, a previsão é de chuva em pancadas isoladas e sem grande acumulados a partir desta terça na região, de acordo com o meteorologista.

PREOCUPAÇÃO. “Além das condições climáticas altas, a umidade do ar está muito seca”, alertou o diretor da Defesa Civil de Americana, João Miletta. Nesta segunda-feira, a cidade registrou a URA (Umidade Relativa do Ar) em 32,5%.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a URA ideal para a saúde fica entre 50% e 80%. Acima dos 30% é considerado “aceitável”, e abaixo, é “estado de atenção”.

A Defesa Civil orienta o consumo de água, evitar a prática de exercícios, tanto em lugares fechados como em espaços abertos, uso de roupas leves e claras e dormir com bacias de água e toalhas molhadas no quarto.

*Estagiária sob supervisão de João Colosalle

Publicidade