Setor de urgência 192 participa de simulação

Setor da Secretaria de Saúde participou de uma simulação realística de resgate e socorro a vítimas de acidente com carga perigosa, na Anhanguera


Na manhã desta quarta-feira (31), o setor 192 (urgência e emergência) da Secretaria Municipal de Saúde de Americana participou de uma simulação realística de resgate e socorro a vítimas de acidente com carga perigosa.

O evento aconteceu às margens da Rodovia Anhanguera (SP-330), na altura do quilômetro 124 Sul, próximo ao posto da Polícia Militar Rodoviária. Aproximadamente 60 pessoas estiveram envolvidas na ação, que contou com a presença do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil do município, além de representantes da WGRA Gerenciamento de Riscos Ambientais, Topack do Brasil, rumo Logística e Suzano Papel e Celulose (unidade Limeira), empresas que integram o PAM (Plano de Auxílio Mútuo), grupo responsável pela simulação.

Foto: Marília Pierre / Prefeitura de Americana
Simulação foi realizada nesta quarta-feira, na Rodovia Anhanguera, em Americana

O PAM tem como princípios promover atividades que despertem a consciência, a sensibilidade e o espírito de cidadania da população. Para isso as equipes de cada setor envolvido motivam as pessoas para comportamentos e atitudes condizentes com a preservação da vida, do patrimônio público ou privado e do meio ambiente. O grupo atua diretamente em acidentes envolvendo transportes rodoviários e ferroviários, eventos que causam impactos ambientais, desabamentos, vendavais, tornados e outras situações que se caracterizam como calamidade pública.

De acordo com o setor 192, o PAM tem como diretriz básica unir esforços das empresas participantes com os órgãos públicos, visando à suplementação de recursos humanos e materiais necessários, a fim de assegurar maior eficiência no atendimento de eventuais situações de emergências, como incêndios, acidentes com vitimas, vazamento de gás tóxico e produtos inflamáveis ou qualquer outro evento que possa acarretar danos às pessoas, ao patrimônio e ao meio ambiente.

Foto: Marília Pierre / Prefeitura de Americana
Objetivo da atividade é otimizar os serviços para situações reais que possam necessitar deste tipo de atendimento

Segundo Adriana Pacheco, coordenadora do setor, a simulação realizada nesta quarta-feira já estava prevista no Plano Municipal de Saúde e se trata de uma atividade voltada ao aprimoramento dos atendimentos a possíveis vitimas de acidentes como esses. “A importância desse treinamento é a de se criar um engajamento entre os atores envolvidos e colocar em prática os protocolos de atendimento, assim como gerar uma forte mobilização de profissionais e recursos existes” esclareceu.

Ela explicou também que o setor 192 é a referência para auxiliar o Corpo de Bombeiros no socorro e no transporte das vítimas em situações desta natureza e, por isso, os profissionais necessitam pelo menos uma vez ao ano realizar a ação simulada em conjunto com os demais integrantes.

“A simulação permite reduzir o tempo de espera por socorro, garantindo também ações treinadas e direcionadas ao atendimento, otimizando os recursos e, principalmente, ajudando a preservar a vida das pessoas”, concluiu a coordenadora.

As informações são da assessoria de comunicação da Prefeitura de Americana.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!