Sete macacos voltam para ilha após reforma no Parque Ecológico

Animais da espécie macaco-aranha-de-cara-vermelha estavam em ambiente fechado durante obras de desassoreamento de lago


Sete macacos-aranha-de-cara-vermelha retornam nesta sexta-feira (10) à ilha na qual viviam no Parque Ecológico de Americana. Eles foram colocados em um ambiente reservado durante as obras de desassoreamento do lago principal do parque, realizadas durante boa parte do ano passado.

O retorno ocorre também após melhorias nas instalações dos primatas e, na próxima semana, mais duas espécies de macacos devem ser levadas para as ilhas: macaco-aranha-de-testa-branca e macaco-aranha-de-cara-preta.

Os espaços receberam novos abrigos, enriquecimento ambiental e troca do gramado. Ao todo, o zoológico americanense abriga 13 primatas. Na ocasião, os profissionais do local ainda tentaram salvar os animais, mas em vão, dada a grande quantidade de abelhas que realizaram o ataque.

Foto: Prefeitura de Americana / Divulgação
Exemplares da espécie macaco-aranha-de-cara-vermelha foram devolvidos às ilhas no Parque Ecológico de Americana

Há pouco mais de um mês, no início de dezembro, um enxame de abelhas matou 14 macacos-prego-do-peito-amarelo em um dos recintos do parque.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp

O secretário de Cultura e Turismo de Americana, Fernando Giuliani, destacou as melhorias realizadas no parque no último ano, enfatizando que as obras só foram possíveis graças à cobrança de ingressos no local.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

“Todas as obras e manutenções realizadas estão sendo feitas através da renda obtida na bilheteria. Além de melhorias na praça de alimentação, no playground e a construção de novos banheiros, concluímos a reforma completa em mais de 30 recintos. A nova proposta para a ilha dos primatas foi pensada no bem-estar dos animais, além de seguirmos as determinações do Ministério Público, por meio do TAC (Termo de Ajustamento de Conduta)”, explicou Giuliani.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora