23 de novembro de 2021 Atualizado 08:00

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Rotatórias no portal de Americana serão unidas e local ganhará semáforo

Início das obras em Americana está previsto para fevereiro do próximo ano, com término entre três e quatro meses

Por Ana Carolina Leal

23 nov 2021 às 08:00

Local é alvo constante de reclamações por conta do trânsito - Foto: Claudeci Junior - O Liberal.JPG

A Prefeitura de Americana pretende unir as rotatórias do portal de entrada da cidade, instalar semáforos e ampliar de dois para três o número de faixas de rolamento.

As alterações estão previstas no pacote de obras anunciado recentemente pela administração que será custeado por meio de um empréstimo de R$ 25 milhões junto ao Desenvolve São Paulo, instituição financeira ligada ao Estado.

Secretário adjunto da Utransv (Unidade de Transportes e Sistema Viário), Pedro Peol explicou ao LIBERAL que com as mudanças a quantidade de conversões cairá de três para duas.

“Hoje, temos duas para esquerda, sendo uma para entrar na Rodovia Anhanguera e outra para retornar ou entrar na Avenida Unitika. E da direita, que é para retornar ao Centro ou entrar na Avenida Affonso Pansan”, afirmou.

Com as alterações, explicou Peol, será uma conversão para Avenida Affonso Pansan e outra para Avenida Unitika. “Porém, não serão pela pista central e sim pelas vias laterais”.

De acordo com o secretário, a intenção é unir as rotatórias e ampliar de dois para três o número de faixas de rolamento. “Atualmente, temos duas faixas estreitas e com a mudança teremos três mais largas”.

Ainda segundo o secretário, na junção das Avenidas Pinto Duarte com Unitika e Affonso Pansan serão colocados dois jogos de semáforos. As alterações têm como objetivo dar mais fluidez ao trânsito, afirmou Peol.

A mudança deve consumir aproximadamente R$ 2,2 milhões dos R$ 25 milhões que a prefeitura pretende contratar com o Desenvolve São Paulo. As obras devem ter início em fevereiro com previsão de entrega de três a quatro meses após o começo dos trabalhos.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

De acordo com o secretário, a intenção é unir as rotatórias e ampliar de dois para três o número de faixas de rolamento – Foto: Claudeci Junior – O Liberal.JPG

O restante do valor – R$ 22,8 milhões – será usado pela administração para recapear e pavimentar 30 ruas e avenidas. A prefeitura afirma receber “uma demanda muito grande de solicitações” de tapa-buraco, considerada uma solução temporária – neste ano, há uma média de 21 pedidos por dia.

Segundo a administração, o recapeamento solucionaria esse problema e, consequentemente, traria economia ao erário, além de melhor qualidade de vida à população.

Publicidade