24 de setembro de 2020 Atualizado 23:14

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Eleições 2020

Rafael Macris é confirmado como pré-candidato a prefeito de Americana

Vereador anunciou decisão pelo Facebook na noite desta terça-feira; perfil influenciou na escolha, diz Roger Willians

Por André Rossi

11 ago 2020 às 21:23 • Última atualização 11 ago 2020 às 23:10

O vereador Rafael Macris (PSDB) é o pré-candidato do partido para disputar o cargo de prefeito de Americana. A decisão foi anunciada pelo político em sua página do Facebook na noite desta terça-feira (11).

No vídeo, Rafael se disse dividido em um misto de “alegria e responsabilidade”. Classificou a cidade como “adormecida” e que afirmou que vai “acordá-la”.

A notícia que você estava esperando!

A notícia que você estava esperando!

Posted by Rafael Macris on Tuesday, August 11, 2020

“A geração de emprego e renda serão carros chefe no meu futuro plano de governo”, disse Rafael.

Pelas redes sociais, o vereador já dava indícios de que seria o nome do partido. Assim como outros pré-candidatos, começou a fazer lives no Facebook e Instagram para discutir os “problemas da cidade”.

“Já era um projeto que eu tinha em mente, mas eu precisava finalizar outras coisas que eu já estava fazendo. Demanda um trabalho, mas é fundamental para a gente estar perto das pessoas”, comentou Rafael ao LIBERAL.

O PSDB realizava pesquisas desde janeiro deste ano para definir quem seria o candidato. Além de Rafael, eram cotados o deputado federal Vanderlei Macris, pai do pré-candidato, e o vice-prefeito da cidade, Roger Willians, presidente local do partido.

No final de julho, o LIBERAL mostrou que Roger retirou seu nome da corrida. O político adiantou que já tinha uma “predisposição” para não disputar e que decidiu desistir depois que Omar Najar (MDB) anunciou que não concorreria à reeleição.

A última pesquisa qualitativa encomenda pelo PSDB ficou pronta na semana passada. Segundo Roger, os números de Rafael são “maravilhosos” e o partido está confiante.

As pesquisas também confirmaram outra tese que o diretório tinha, de que o eleitor americanense quer um candidato com “perfil moderno”. A manutenção do mandato de Vanderlei na Câmara dos Deputados também é vista como fundamental, já que pode continuar representando a cidade e articulando recursos.

“As pesquisas apontaram um perfil mais jovem dentro da opinião dos eleitores nesse momento, por uma renovação, o que é natural. Não tem nada a ver com Omar Najar, que é um perfil mais conservador, de um político mais tradicional. É um ciclo e o perfil do Rafael se encaixa perfeitamente nesse padrão”, explicou Roger.

Concorrência
 Rafael Macris não é o único vereador que pretende disputar o cargo máximo do Executivo nas eleições de novembro.

Até o momento, anunciaram a pré-candidatura o presidente da Casa, Luiz Carlos Cezarreto, o Luiz da Rodaben (Cidadania), e os parlamentares Alfredo Ondas (MDB), Maria Giovana Fortunato (PDT), Antonio Alves Jorge, o Kim (Solidariedade), Odair Dias (Pros) e Welington Rezende (Patriota).

Para além da câmara, também estão na disputa Chico Sardelli (PV), Lurdinha Ginetti (PT), Thalita De Nadai (PSD), Luiz Antonio Crivelari (PSL), Zé Odécio (Avante), Adriano de Oliveira Silva (PSOL), e Ricardo Molina (Republicanos).

Podcast Além da Capa
Depois de três semanas novamente na fase vermelha, Americana e região completaram um ciclo de duas semanas na fase laranja e, na última sexta-feira, avançaram à fase amarela do Plano São Paulo pela primeira vez. Esse episódio dá o tom do contexto local diante da etapa mais flexível vivida até agora desde o início da quarentena provocada pela pandemia do novo coronarívus (Covid-19).

Publicidade