01 de julho de 2020 Atualizado 23:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Mobilização

Manifestação ‘pró-democracia’ é cancelado em Americana

Organizadores afirmaram, em nota, que a medida ocorre pelo avanço dos casos da Covid-19 e para evitar “armadilhas da oposição”

Por Leonardo Oliveira

06 jun 2020 às 15:10 • Última atualização 07 jun 2020 às 11:30

O protesto ‘pró-democracia’, marcado para acontecer este domingo (7), em Americana, foi cancelado pela organização do evento. O crescente do número de casos e mortes pelo novo coronavírus (Covid-19) foi uma das justificativas apontadas para a medida.

A iniciativa havia sido anunciada no início da semana passada como forma de mobilização contra o “fascismo, o racismo”, e ao que chamam de “política genocida” do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Na nota divulgada, os organizadores afirmam que o cancelamento é uma maneira de evitar possíveis confrontos e armadilhas da oposição. “Uma situação que poderia ser usada como justificativa para ações anti-democráticas por parte do governo. Colocando, assim, a vida de muitos em risco e deslegitimando causas importantes”, diz o documento.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA

“Por motivos de segurança, a organização da manifestação pró-democracia optou por suspender o ato do dia 7/6 (domingo), que não tem data definida para ser retomado.

Sabe-se que as mortes pelo COVID-19 têm aumentado exponencialmente e continuam nesse ritmo. Portanto, na tentativa de evitar mais contaminações, para que o genocídio não aumente, optamos por essa decisão.

Para além de mais contaminações de COVID-19 na cidade, tentamos evitar também, possíveis confrontos e armadilhas da oposição. Uma situação que poderia ser usada como justificativa para ações anti-democráticas por parte do governo. Colocando, assim, a vida de muitos em risco e deslegitimando causas importantes.

Sabemos que esse recuo pode ser desmotivador para muitos, mas é importante alertar que a motivação e a reflexão não podem diminuir nesse momento. Portanto estejam munidos de leitura e estratégia; compartilhem informação; revejam as lições aprendidas com 2013; participem dos coletivos da sua cidade e jamais despolitizem suas lutas.

Da mesma forma, demonstramos aqui nossa profunda decepção pelo concenso final. Aliás, todos estavam trabalhando intensamente para que a resistência em Americana-SP fosse concretizada.

Não desistiremos, pois a resistência antirrascista e antifascista existe nos mais diversos lugares do Brasil, inclusive aqui”

Podcast Além da Capa
A relação de Americana com Santo Antonio, o padroeiro da cidade, completa 120 anos em 2020, mas a festividade em torno da data foi forçada a ser revista por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Desde o início da quarentena, em março, as missas realizadas na Basílica Santuário Santo Antonio de Pádua não contam com a presença de fieis dentro da igreja, por conta do isolamento social, mas o contato é mantido por transmissões pelo Facebook. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com o administrador paroquial da basílica, o padre Valdinei Antonio da Silva. A necessidade do cancelamento de outros eventos da comunidade católica, como as festas de São João de Carioba e do Senhor Bom Jesus, também é abordada com os padres Marcos Ramalho e Marcelo Fagundes.