09 de agosto de 2020 Atualizado 11:57

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Casa de Carnes

Preso suspeito de matar dona de açougue em Americana

Rapaz, de 23 anos, foi detido pelo Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar, na manhã deste domingo em Campinas

Por Da Redação

20 out 2019 às 10:59 • Última atualização 21 out 2019 às 13:21

Foto: Reprodução
Suspeito de matar comerciante Giani de Lião é preso em Campinas

Foi preso, na manhã deste domingo (20) em Campinas, Vinícius Pereira de Oliveira, de 23 anos, suspeito de ter matado a comerciante Giani Aparecida Molina de Lião, de 54 anos, no último domingo (13), durante um assalto à Casa de Carnes Colina, na Chácara Machadinho, em Americana.

Foto: Reprodução - Facebook
Giani foi sepultada na última segunda feira, no Cemitério da Saudade, em Americana
Foto: Reprodução
Vinícius foi detido pelo  Batalhão de Ações Especiais (Baep) da Polícia Militar, na manhã deste domingo

Conforme apurou o LIBERAL, Vinícius foi detido pelo  Batalhão de Ações Especiais (Baep) da Polícia Militar, na manhã deste domingo e encaminhado à 2ª Delegacia Seccional de Campinas, onde está sendo registrada a ocorrência.

O caso. No último domingo, o assaltante rendeu uma funcionária do açougue no momento em que ela tirava o lixo, entrou com ela no estabelecimento e rendeu funcionários e os proprietários do local, Giani e o marido, José Roberto de Lião, de 57 anos.

Eles chegaram a entregar R$ 495 para o ladrão, mas no momento em que o bandido saía de trás do balcão, Giani e o marido reagiram e foram baleados. Ambos foram socorridos ao Hospital da Unimed em Americana, mas Giani não resistiu e faleceu. Ela foi sepultada na última segunda-feira, na presença do marido, que foi levado ao cemitério em uma ambulância e depois retornou para o hospital.