06 de maio de 2021 Atualizado 19:51

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

AMEAÇA E DESACATO

Preso por embriaguez, homem diz que vai caçar e encher policial de tiros em Americana

Questionado sobre se comprava drogas, indivíduo disse que não, pois já tinha maconha em sua casa

Por Pedro Heiderich

25 abr 2021 às 18:04 • Última atualização 25 abr 2021 às 18:09

Um homem foi preso por embriaguez na noite deste sábado (24), em Americana. Ao ser detido, ele disse ao policial militar que atendia a ocorrência que ia “caçá-lo e enchê-lo de tiros”. O suspeito também responderá por ameaça e desacato. Questionado se estava comprando drogas, o ele disse que não, pois já tinha maconha em sua casa.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

O caso aconteceu por volta das 21h, na Rua da Prudência, durante patrulhamento da PM (Polícia Militar) pela Praça da Fraternidade, no Jardim da Paz. Os policiais avistaram um Volkswagen Gol parado próximo a um ponto conhecido pela venda de drogas.

Quando o motorista do carro viu a viatura, ele ligou o veículo e saiu. Abordado na Rua da Prudência, o suspeito não queria sair do veículo.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Ao descer do carro, o motorista, sem idade divulgada pela PM, estava agressivo, segundo o relato da corporação. Após buscas no veículo, sem nada de ilícito, os militares perguntaram ao motorista se ele estava comprando drogas.

O suspeito teria, segundo a polícia, respondido de forma debochada, dizendo que não, porque era usuário de maconha e já tinha a droga em sua casa, em abundância.

No veículo foram encontradas irregularidades e medidas administrativas foram tomadas pelos policiais. Foi feito teste de bafômetro que confirmou 0,40 miligrama de álcool no sangue, por litro.

Os policiais deram voz de prisão ao motorista por embriaguez ao volante, momento em que o suspeito ameaçou os agentes de segurança.

De acordo com a PM, o homem perguntou a um dos policiais se ele morava em Americana, pois iria “caçar” o militar e “enche-lo de tiros”, afirmando ainda que iria “trombar” o policial quando este estivesse de folga, com a namorada.

Séries, filmes, games, quadrinhos: conheça o Estúdio 52.

Os policiais levaram o suspeito até a delegacia, onde os policiais prestaram depoimento e também foi dada voz de prisão ao motorista por ameaça e desacato. Ele foi levado para a cadeia de Sumaré.

Publicidade