23 de maio de 2022 Atualizado 17:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Praia dos Namorados

Prefeitura quer zerar aguapés e criar nova marina em represa

Administração entregou obras de revitalização da orla da Praia dos Namorados nesta terça-feira e projeto deve ter sequência

Por Leonardo Oliveira

29 Julho 2020, às 08h09

Depois de entregar a revitalização da orla da Praia dos Namorados, em cerimônia realizada nesta terça-feira, a Prefeitura de Americana já se programa para eliminar os aguapés da Represa Salto Grande e criar uma marina para as embarcações – essas duas intervenções não foram incluídas na primeira fase do projeto.

Os recursos no valor de R$ 2,3 milhões, obtidos pela administração junto ao governo federal, foram aplicados para melhorar o entorno da represa, com nova pista de caminhada e ciclismo, quadras esportivas, banheiros, iluminação e acesso ao Barco Escola – as quadras seguem fechadas em virtude da pandemia de Covid-19.

Trabalhos na Praia dos Namorados foram feitos com recursos federais no valor de R$ 2,3 milhões – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

“Nós não conseguimos fazer tudo nessa primeira etapa. Temos a parte do parque, que tem que ser remodelada ainda, estou atrás de um patrocínio de empresa para fazer isso. É reformar, trazer novos brinquedos. É uma área que o pessoal usa. De repente colocar alguns aparelhos de ginástica”, afirmou o secretário de Cultura e Turismo de Americana, Fernando Giuliani.

A administração agora se planeja para diminuir o número de macrófitas na represa. Em março, o LIBERAL mostrou que a área ocupada pelos aguapés era de 76 hectares, cerca de 7,5% do espaço. Isso muda a partir de setembro, quando ocorrerá o processo de deplecionamento no reservatório.

A informação é do secretário de Meio Ambiente, Roberto Sablewsky Galvão. Segundo ele, o nível de água da represa é rebaixado para retirada de sentimentos, que contribuem para a proliferação das macrófitas. O processo vai durar três dias. A administração espera que já em outubro a represa volte ao seu nível normal, sem os aguapés.

“Está programado para 25 de setembro. São três dias para rebaixar, aí é feito todo o trabalho de limpeza e recomposição e, a partir desse momento, ela [represa] volta a encher. Está previsto para ela estar cheia novamente em 15 de outubro. Ela vai estar praticamente sem aguapé nenhum”, afirmou ao LIBERAL.

A Prefeitura de Americana também trabalha para regularizar a área de embarque e desembarque da Represa Salto Grande.

Giuliani adianta que um engenheiro naval deve ser contratado para fazer um diagnóstico da área, a fim de viabilizar um projeto que envolva a instalação de boias e rampas, formando a estrutura.

“Nós já demos início, queremos fazer o mais rápido possível. Eles [frequentadores] vão poder entrar, descarregar o barco e deixar o carro na área de campo, já que vamos fazer um estacionamento para eles, para poder aproveitar toda essa água que a gente tem aqui em Americana”, finalizou o secretário.

Praia Azul
Uma das responsabilidades do próximo prefeito de Americana deve ser a de promover melhorias também na região da Praia Azul. A avaliação foi feita pelo deputado federal Vanderlei Macris (PSDB).

Vanderlei, que atuou junto ao governo federal para destravar os R$ 2,3 milhões investidos na revitalização, defende que a exploração do turismo em Americana passa por melhorias no bairro, que também compartilha de uma orla em outro trecho às margens da Represa do Salto Grande.

O deputado federal adiantou que pretende tentar conseguir recursos para obras no local. Para que isso aconteça, ele aguarda um estudo que deve identificar quais são as principais necessidades daquela região.

“Já falei com o prefeito (Omar Najar), a gente precisa montar um projeto. Feito esse projeto, é ver o que vai ser feito. Depois, a gente vai viabilizar o custo disso e começar a trabalhar os recursos”, enfatizou o parlamentar em entrevista ao LIBERAL.

Publicidade