Prefeitura fecha mais nove contratos e compra 30 mil consultas na rede privada

Programa vai permitir que médicos especialistas atendam pacientes da rede pública em seus consultórios


A Prefeitura de Americana assinou na manhã desta quarta-feira (10) mais nove contratos com clínicas e médicos particulares que vão atender pacientes da rede pública por meio do programa “Saúde Já”. Nos últimos cinco dias, a administração já fez 11 contratos, que vão disponibilizar cerca de 30 mil mil consultas no período de um ano – os dois primeiros haviam assinados na sexta, e garantiam a compra de 13 mil atendimentos.

A ideia do programa Saúde Já é zerar a fila de espera com especialistas, um dos maiores problemas da rede pública na cidade. A estimativa do Executivo é que a fila para ficar cara a cara com um médico especialista tenha 20 mil pessoas. Em alguns casos, a espera para consulta chega a dois anos.

Os médicos receberão R$ 52 por cada consulta e atenderão os pacientes em seus consultórios. O valor é menor que o pago por planos de saúde, mas maior que a tabela SUS. Até agora, já foram fechados contratos para especialidades como cardiologia e oftalmologia.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!