Prefeitura assina ordem para novos reservatórios

Troca de quatro reservatórios vai ampliar em 30% capacidade de armazenamento de recurso hídrico em Americana; entrega deve ocorrer dentro de 10 meses


A prefeitura de Americana assinou nesta sexta-feira (9) a ordem de serviço para a ampliação de quatro reservatórios da cidade. Com o investimento, a capacidade de armazenamento de água vai aumentar em 30%.

A empresa contratada para executar a ampliação é a Eurotanksde São Paulo, que venceu a licitação. O contrato tem preço global de R$ 8,9 milhões e vigência de um ano. Contudo, a expectativa é colocar os quatro novos reservatórios em funcionamento em até 10 meses.

Foto: Susy Coutinho / O Liberal
Prefeito Omar Najar assinou ordem de serviço nesta sexta-feira

O primeiro reservatório a ser instalado será no Jardim São Roque. Na sequência, a empresa vai instalar o do Jardim Brasil, São Luis e Chácara Letônia (região da Praia dos Namorados). Todos os reservatórios terão capacidade de 2,5 milhões de litros, com exceção do que será instalado no São Luiz, que pode armazenar 1 milhão de litros de água.

A ordem de execução dos reservatórios, os bairros e as capacidades necessárias foram levantados em um estudo técnico realizado pelo DAE (Departamento de Água e Esgoto). Diretor geral da autarquia, Carlos Cesar Gimenez Zappia explicou essa é a primeira vez em 18 anos que a cidade recebe investimentos em armazenamento de água.

“O estudo técnico determinou que esses são os bairros que mais precisam de água para suprir o super crescimento que ocorreu, não está prevendo crescimento futuro. Se tudo correr bem no primeiro trimestre do ano que vem vamos entregar novos reservatórios, afastando cada vez mais a população da falta de água”, declarou.

O prefeito Omar Najar (MDB) lembrou que atualmente é necessário interromper a captação durante a madrugada por não ter espaço para armazenar água. “Não vamos ter problema de água no período da seca. Estou muito feliz com essa assinatura, com a empresa Eurotanksde, e pedi pra agilizar o quanto antes porque estamos numa situação difícil” afirmou o prefeito.

Tecnologia

Os quatro reservatórios serão importados da Áustria com uma das mais modernas tecnologias atualmente disponíveis. Segundo o sócio-diretor da empresa Eurotanks, Guilherme Filipe Toscano, os reservatórios são quase imunes à corrosão, possuem alta durabilidade e sua montagem é rápida.

Enquanto reservatórios de cimento levam 20 meses, a estimativa é que esses reservatórios metálicos vitrificados levem metade desse tempo.

“A fabricação dos tanques de reserva de água é feita com aço e esmalte de vidro, material extremamente resistente, de alta durabilidade, mais moderno que existe no mundo. Os trabalhos vão começar com a etapa de preparação do solo, sondagem e construção da base de concreto para receber a estrutura. Em torno de 8 a 10 meses já teremos o primeiro reservatório, do São Roque, em operação”, disse Toscano.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora