Prefeitura abre licitação para reforma do Mercadão

Está prevista no projeto a troca do telhado, pintura, além de reforma dos banheiros; prazo de execução da obra é de 90 dias a partir da assinatura


A Prefeitura de Americana vai contratar uma empresa para reformar o Mercado Municipal. O edital de licitação foi publicado no Diário Oficial, e a contratação será na modalidade convite pelo menor preço global. O prazo de execução da obra é de 90 dias a partir da assinatura da ordem de serviço.

Está prevista a pintura do prédio, troca do telhado e reforma dos banheiros. A reportagem esteve no Mercadão na tarde de sexta-feira e constatou que há mofo nas paredes. Os banheiros estão com as portas quebradas e janelas danificadas.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal_04.07.2019
Obras no Mercado Municipal de Americana terão prazo de execução de 90 dias a partir da data de assinatura da ordem de serviço

A empresa contratada deverá fornecer materiais, mão de obra e equipamentos para a reforma. Os interessados em concorrer devem apresentar proposta no próximo dia 19 no setor de Protocolo Geral da prefeitura, das 8 às 13 horas. A abertura dos envelopes será no mesmo dia.

A obra está orçada em R$ 163 mil, com repasse de R$ 150 mil do do Estado, por emenda parlamentar do então deputado estadual Chico Sardelli (PV).

O edital prevê contrapartida de R$ 13.206,84 da Prefeitura de Americana. “Ressalta-se que esse valor pode cair durante o processo licitatório”, afirmou o Executivo.

A reforma do prédio é aguardada com expectativa pelos permissionários. O comerciante Porfirio Neres Santana, de 49 anos – ele está há 21 no Mercadão – espera que as melhorias atraiam mais público.

“Isso [reforma] é muito bom, tanto para a gente quanto para as pessoas que vem no Mercado. É bem frequentado mas está faltando [melhorias]”, considerou.

O distribuidor Ivan Gouvea, de 68 anos, é frequentador assíduo do espaço. “Venho ao Mercado há muitos anos, mais em função da amizade do que pela qualidade do local. Evidentemente isso aqui é uma ‘espelunca’, necessita de uma revitalização maravilhosa. Embora a situação não esteja tão auspiciosa, tem produtos de ponta, e o Mercado é um ícone”, argumentou.

Uma das maiores preocupações dos comerciantes e frequentadores se refere ao sistema elétrico. Antigo e com fios soltos, ele deve passar por uma reforma por meio de parceria da Unidade de Desenvolvimento Econômico com a iniciativa privada.

O município informou que “a reforma do sistema elétrico, está na fase de elaboração do projeto para posterior execução pelo parceiro”.

As melhorias no sistema elétrico foram anunciadas em fevereiro e consistem na troca de dois painéis.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora