15 de janeiro de 2021 Atualizado 20:43

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

AMERICANA

Posse é agendada para às 16h do dia 1º de janeiro, no Teatro Municipal

Prefeito, vice-prefeito e vereadores eleitos tomam posse no 1º dia do ano de 2021; detalhes ainda estão em discussão

Por André Rossi

27 nov 2020 às 08:55 • Última atualização 27 nov 2020 às 08:56

A posse do prefeito eleito de Americana, Chico Sardelli (PV), seu vice Odir Demarchi (PL) e dos 19 vereadores ocorre no dia 1º de janeiro, às 16 horas, no Teatro Municipal Lulu Benencase. Na sequência, os parlamentares vão à câmara para definir a Mesa Diretora.

A direção do Legislativo e a Secretaria de Cultura ainda estão em tratativas sobre como será a cerimônia no teatro por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Há o temor de que futuras restrições impostas pelo Governo do Estado possam interferir em eventos do gênero.

O LIBERAL apurou que, mesmo que o atual cenário se mantenha, a tendência é de que a posse seja ainda mais restrita do que já costuma ser. Tradicionalmente, o ato não é aberto ao público em geral.

Funcionários de ambos os poderes, juízes e promotores eleitorais, convidados dos eleitos e profissionais de imprensa marcam presença no ato.

Depois da cerimônia de posse, os vereadores elegem a Mesa Diretora. A sessão será presidida pelo vereador reeleito Juninho Dias (MDB) devido ao fato dele ter sido o candidato mais votado, com 3.998 votos.

Não há formação de “chapas”. Os interessados em assumir os cargos colocam o nome para apreciação dos colegas. A tendência é de que ao menos dois grupos disputam os cargos de presidente, vice, 1º, 2º e 3º secretários.

Três vereadores já manifestaram interesse em assumir a presidência no biênio 2021-2024: Thiago Martins (PV), Léo da Padaria (PV) e Nathália Camargo (Avante).

Publicidade