18 de setembro de 2020 Atualizado 20:16

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Polícia Civil detém quatro pessoas da mesma família por tráfico

Foram apreendidos maconha, crack e um revólver calibre 38; um dos locais funcionava como distribuidor de drogas para traficantes, afirma delegado

Por George Aravanis

14 jan 2020 às 20:16 • Última atualização 14 jan 2020 às 20:24

A Dise (Delegacia de Investigação sobre Entorpecentes) de Americana deteve quatro pessoas da mesma família suspeitas de tráfico de drogas no Jardim Nossa Senhora de Fátima e no Jardim Bertoni, na manhã desta terça-feira (14). Eles são suspeitos de fornecer entorpecentes para outros traficantes.

Uma mulher de 46 anos, seu filho de 27, sua filha de 17 (grávida de 8 meses) e o namorado da menina, de 18 anos, foram detidos pelos policiais. A garota de 17 anos foi liberada para a família, enquanto os demais acabaram presos.

Foto: Dise / Divulgação
Drogas foram apreendidas e quatro pessoas da mesma família acabaram presas em Americana

A ação teve apoio da Gama (Guarda Municipal de Americana). A polícia encontrou 2,5 quilos de maconha e uma pequena quantidade de crack em um dos endereços, além de um revólver calibre 38 no outro. Parte da droga estava em um berço na residência no Jardim Nossa Senhora de Fátima.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp

Segundo o delegado Luis Carlos Gazarini, da Dise, o rapaz de 27 anos, que morava no Jardim Bertoni, dava ordens aos demais sobre a venda e indicava aos compradores o local onde deveriam ir buscar a droga, que seria na casa do Jardim Nossa Senhora de Fátima, onde foram detidas sua mãe, sua irmã e o cunhado.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

A polícia foi aos dois endereços para cumprir mandados de busca e apreensão (dois celulares foram confiscados). Ao chegar na casa do Jardim Nossa Senhora de Fátima, encontrou drogas dentro do berço, em mochilas e na laje da casa.

No apartamento do Jardim Bertoni, os policiais perceberam que o rapaz de 27 anos se movimentou rapidamente dentro da moradia ao notar a presença dos agentes. Eles forçaram a porta e o renderam a caminho do quarto. Os policiais encontraram um revólver calibre 38 descarregado em uma gaveta do guarda-roupas.

Publicidade