PM recupera carro usado para pagar dívida de droga

Veículo estava em posse de um adolescente,que o conduzia na contramão de direção da Rua Santo Onofre, no bairro São Manoel, em Americana


A PM (Polícia Militar) apreendeu no começo da tarde deste domingo um carro Citröen C3 deixado por um usuário de drogas como forma de pagamento a traficantes no bairro São Manoel, em Americana.

O veículo estava em posse de um adolescente, que o conduzia na Rua Santo Onofre, por volta das 12h30, acompanhado por um passageiro. O infrator estava na contramão de direção. Os policiais fizeram a abordagem e encontraram uma porção de maconha e R$ 23. Questionado sobre a procedência do carro, o adolescente não soube informar.

Ao consultar o documento, a PM constatou que havia uma queixa de desaparecimento do veículo. A proprietária foi localizada no endereço em que o carro está registrado e explicou que o marido é usuário de entorpecentes e tinha saído com o carro na segunda-feira, dia 17, e retornado no dia 22, dizendo que tinha deixado o carro como garantia de pagamento de drogas e sumiu novamente.

O adolescente que conduzia o carro e o passageiro foram levados para a CPJ (Central de Polícia Judiciária), foram ouvidos e liberados.

Tráfico

Em Santa Bárbara d’Oeste, um desempregado de 27 anos foi preso por tráfico de drogas em uma casa na Rua Turquia, bairro Palmeiras, neste domingo, às 17h. De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi ao local para averiguar denúncia de tráfico. No endereço, encontrou o desempregado e duas mulheres, uma de 28 anos e outra de 27 anos.

Foto: Polícia Militar / Divulgação
Porções de maconha, cocaína e crack foram apreendidas pela PM

O homem foi abordado quando dispensava a droga no vaso sanitário. Ainda assim, a PM apreendeu, no total, 17 porções de maconha e 14 pinos com cocaína e 16 pedras de crack.

Os policiais também encontraram com as duas mulheres duas carteiras de estudante, que teriam sido compradas por R$ 30 cada uma para garantir o pagamento de meia entrada na Festa do Peão de Americana.

O caso foi apresentado na CPJ (Central de Polícia Judiciária), onde o desempregado acabou indiciado por tráfico de drogas e ficou preso.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora