Placas pedem asfalto na Avenida do Compositor, no Jaguari

Placa que pedia pavimentação foi retirada pela Prefeitura de Americana, mas moradores colocaram mais duas delas, reforçando a cobrança


Moradores do Residencial Jaguari se revoltaram com a falta de asfalto na Avenida do Compositor e, em uma rotatória, no cruzamento com a Avenida Lírio Correa, colocaram um banner com dizeres de cobrança:  “Cadê o asfalto Prefeitura? Vergonha, mais de 10 anos”.

A reportagem do LIBERAL esteve no local nesta terça-feira (27) e questionou a administração. Dias depois, a placa foi removida pela própria prefeitura, segundo populares, mas outras duas foram expostas no local, com o mesmo tipo de cobrança.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Moradores reclamam do problema há anos, mas nada foi feito

Nas novas placas, a primeira traz os dizeres “Tirar a placa é fácil, quero ver asfaltar”, enquanto a segunda tem escrito “Cadê o asfalto? Resolvam o problema, não adianta tirar a placa”.

Durante esta sexta-feira (30), a placa foi mais uma vez removida no período da tarde, segundo relato de moradores.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Após prefeitura retirar a primeira placa, outra foi colocada

A asfalto na Avenida do Compositor já é uma demanda antiga dos munícipes. O aposentado Joel Ademir Morelli, de 69 anos, tem sua casa em frente à avenida há 50 anos e, desde então, aguarda a pavimentação. “Eu acho uma falta de respeito, falta asfalto, falta iluminação, falta tudo. Quando passa carro, sobe um poeirão, não venço lavar esse quintal. Sem falar no lixo que o povo joga ali”, relata.

O frentista Ângelo Santiago, de 58 anos, trabalha em um posto de combustível próximo ao local. Nas horas secas do dia, os funcionários mal conseguem respirar por conta da poeira, segundo ele. “Aqui é um submundo, é horrível, a gente chega até passar mal”, lamentou.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Apesar de os moradores retomarem o protesto, administração tirou mais uma vez as placas do local

Santiago se diz revoltado porque, em uma rua próxima, um condomínio residencial foi instalado e o asfalto foi providenciado, enquanto a Avenida do Compositor continua sem pavimentação.

Sobre os questionamentos referentes ao asfalto, a Secretaria de Obras e Serviços Urbanos (Sosu) informou que existe um compromisso de execução de obra pelo Polo Gerador de Tráfego e que a empresa responsável foi notificada a apresentar o cronograma de obras. Não foi dada, porém, uma data para a resolução definitiva do problema.

A prefeitura confirmou a retirada dos banners e explicou que a colocação de qualquer placa que não seja de sinalização viária é proibida pelo Código de Trânsito Brasileiro.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!