05 de agosto de 2021 Atualizado 01:17

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Covid-19

Moradores de Americana relatam dificuldades para agendar vacinação

Entre as queixas, instabilidade do site, erro, sistema travado, ausência de agenda e tempo esgotado para preencher os dados; prefeitura alega alta demanda e diz que trabalha para resolver problemas

Por Ana Carolina Leal

16 jun 2021 às 18:18 • Última atualização 16 jun 2021 às 18:46

Moradores de Americana relatam dificuldades para fazer o agendamento da vacina contra o novo coronavírus (Covid-19) pelo site. Em quatro horas, o LIBERAL recebeu mais de 50 reclamações pelo Instagram. A prefeitura alega alta demanda e diz que trabalha para resolver instabilidade do portal.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

A Secretaria de Saúde de Americana abriu nesta terça-feira (15) o agendamento para pessoas com 50 anos ou mais. Entre as queixas dos moradores, destacam-se instabilidade do site, erro, sistema travado, ausência de agenda e tempo esgotado para preencher os dados cadastrais.

A empresária Ana Paula Maximiano, 29 anos, disse que precisou preencher ao menos três vezes o cadastro no site para conseguir agendar a vacinação da mãe e de uma amiga que não tem acesso à internet. “Consegui depois de muita insistência. Orientaram a fazer o agendamento a partir das 14 horas, mas depois desse horário só dava erro”, afirmou.

Situação semelhante aconteceu com a mulher do comerciante Vagner Rogério Alcantara, 47 anos. “Abriram agendamento para pessoas com 50 anos ou mais. Entramos no site às 14 horas e só conseguimos próximo das 17 horas. Está muito difícil, o sistema trava, dá erro”, disse.

A professora Ingryt Bueno, 32 anos, tentou fazer o agendamento para a mãe, mas não tinha conseguido até a tarde desta quarta-feira (16). “O site trava o tempo todo e quando consigo colocar os dados diz que o tempo esgotou”, afirmou.

O LIBERAL também recebeu queixas de profissionais de saúde que relataram não conseguir agendar a segunda dose da vacina, bem como de moradores dizendo que no site consta não ter disponibilidade da vacina em nenhuma UBS (Unidade Básica de Saúde).

A prefeitura afirmou que nesta terça-feira iniciou-se o processo de agendamento de uma nova faixa etária com uma grande demanda por vacina.

“Foram realizados 4,5 mil agendamentos, tendo todos os horários sido preenchidos na própria terça-feira. A instabilidade ocorreu, sobretudo, pela alta procura por agendamentos ao mesmo tempo. Além da normalização, que ocorrerá por si só com a redução gradual pela procura nesse público, a prefeitura já trabalha para ampliar a capacidade do portal que realiza os agendamentos”, disse em nota enviada pela assessoria.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

A administração informou ainda que nesta quarta-feira houve uma nova abertura para mil doses aplicadas e já preenchida. “Agora, a prefeitura aguarda a chegada de mais doses para reabrir os agendamentos”.

Publicidade