26 de outubro de 2020 Atualizado 22:08

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Eleições 2020

LIBERAL vai promover debate com os prefeituráveis em Americana

Iniciativa ocorre no dia 11 de novembro, com transmissão através de rádios e redes sociais do grupo

Por Redação

11 out 2020 às 07:24 • Última atualização 19 out 2020 às 08:16

O Grupo Liberal promove no próximo dia 11 de novembro um debate eleitoral entre os candidatos à Prefeitura de Americana.

O evento ocorrerá no anfiteatro do Colégio Dom Bosco, em Americana, e terá transmissão exclusiva das rádios do Grupo Liberal, Clube AM 580 e FM Gold 94.7, e pelas páginas do LIBERAL no Facebook e YouTube, por meio de vídeos ao vivo (lives).

Estúdio da FM Gold 94.7, na sede do Grupo Liberal; rádio será uma das transmissoras exclusivas do debate eleitoral em Americana – Foto: Arquivo / O Liberal

O convite para a participação dos candidatos ao governo no debate foi feito na última semana, durante reunião que definiu a ordem dos entrevistados nas sabatinas eleitorais promovidas pelo LIBERAL.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, o debate eleitoral deverá seguir uma série de protocolos sanitários de prevenção ao vírus, assim como o LIBERAL tem adotado nas sabatinas com os prefeituráveis, marcadas para começar no dia 26 de outubro.

Uma das medidas, por exemplo, será a restrição ao número de assessores que acompanharão os candidatos no debate e o distanciamento entre os participantes, inclusive jornalistas. Apesar de ocorrer em um anfiteatro, o debate não terá a presença de plateia.

A transmissão será feita pelo LIBERAL em parceria com a produtora de eventos Ney Maurício Filmes, de Americana. A previsão é de que o debate comece às 20h e tenha duas horas de duração.

A condução e a produção editorial, bem como do regulamento do debate, ficarão sob a responsabilidade de jornalistas do Grupo Liberal. A definição do formato e das regras do debate ainda serão apresentadas aos candidatos e seus representantes. Também será dada ciência à Justiça Eleitoral no município.

HISTÓRICO
Em Americana, o número de candidatos disputando as eleições a prefeito em 2020 é o maior desde o período de redemocratização.

São nove nomes registrados, que aguardam o deferimento da candidatura na Justiça Eleitoral.

Além do ineditismo em termos estatísticos, as eleições deste ano também serão as primeiras em que candidatas mulheres disputarão o cargo de prefeita em Americana. Três concorrem ao governo.

Candidatos apresentam suas propostas

Os candidatos à Prefeitura de Americana apresentam na edição deste domingo do LIBERAL, nas três páginas seguintes, as principais propostas de seus planos de governo para os temais mais relevantes em Americana, caso sejam eleitos.

As propostas foram enviadas pelos postulantes ao cargo de prefeito a pedido do LIBERAL. Dentre os temas elencados pelo jornal, estão saúde, economia, educação, gestão administrativa e abastecimento – este último, em evidência recentemente por conta das falhas na distribuição de água no município.

Dos nove candidatos questionados, apenas Alfredo Ondas, do MDB, não respondeu sobre as propostas para a gestão caso seja escolhido prefeito nas eleições de 15 de novembro.

Apesar de registrado na Justiça Eleitoral, o emedebista e o partido enfrentam uma disputa interna que envolve a candidatura ou o apoio ao grupo do PSDB.

Além de Americana, o LIBERAL publicou neste sábado as ideias dos candidatos de Santa Bárbara.

Publicidade