18 de janeiro de 2021 Atualizado 22:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Americana

Jovem morre após acidente de trabalho em Americana

Funcionário de empresa de embalagens teve crânio ferido por máquina na segunda; jovem faleceu na manhã desta terça-feira no HM

Por Heitor Carvalho

24 nov 2020 às 13:54 • Última atualização 24 nov 2020 às 22:47

José Carlos de Lima Neto tinha 18 anos e faleceu na manhã desta terça-feira - Foto: Reprodução - Facebook

O Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi confirmou que o paciente José Carlos de Lima Neto, de 18 anos, que sofreu um acidente de trabalho na segunda-feira (23), não resistiu aos ferimentos, vindo a falecer às 10h41 desta terça-feira (24).

Residente no bairro Vila Dainese, o paciente havia dado entrada no pronto-socorro do HM após ter o crânio prensado por uma das máquinas. O estado de saúde dele era considerado gravíssimo, segundo a equipe médica que o atendeu.

A Secretaria de Saúde informou ainda que foram feitos exames de raio-X e tomografia na vítima, que estava intubada.

Residente no bairro Vila Dainese, ele havia dado entrada no pronto-socorro do HM às 17h30 de segunda-feira – Foto: Reprodução – Facebook

Acidente

O acidente de trabalho ocorreu no final da tarde desta segunda na empresa Eplam Embalagens Plásticas, localizada na Vila Galo, em Americana.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, que atendeu à ocorrência, o rapaz, funcionário da empresa Eplam, teve o crânio prensado por uma das máquinas.

Três bombeiros foram até o local, na Rua Timbiras, por volta de 16h30. Eles encontraram a vítima inconsciente e com hemorragia grave.

O jovem foi socorrido e encaminhado em estado grave ao Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, em Americana.

Em nota, a empresa lamentou o ocorrido e colocou-se à disposição para prestar assistência necessária e todo suporte à família.

“A direção reforça ainda que, o acidente ocorrido em sua planta de Americana, nesta segunda-feira, 23 de novembro, já está sendo periciado por autoridades competentes e não medirá esforços para apurar todos os fatos”, afirmou a empresa

Outro caso

Outro acidente de trabalho grave foi registrado no Centro Cívico de Americana na semana passada. O funcionário da prefeitura José Ruzzão, conhecido como “Zé Bracinho”, estava cortando galhos de uma árvore, quando caiu da escada de cabeça no chão.

Segundo a Secretaria de Saúde da Prefeitura de Americana, ele foi encaminhado para o Hospital Municipal, onde foi intubado, sedado e mantido no respirador.

Estatísticas

Em 2019, em Americana, foram notificados 2.024 acidentes considerados leves e moderados, segundo dados extraídos dos RAAT (Relatórios de Atendimento em Acidente de Trabalho) e CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho) das empresas.

Já em relação aos acidentes graves, incluindo amputações e óbitos, foram 47 notificações no Sinan (Sistema de Informação de Agravos de Notificação).

Em 2020 foram 434 notificações de acidentes leves e moderados e 42 graves, dos quais dois casos resultaram em óbito no local de trabalho, sendo um deles o do jovem José Carlos de Lima Neto.

Publicidade