29 de junho de 2022 Atualizado 19:39

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Gama salva cachorro de afogamento em lagoa do Vale das Nogueiras

Nas margens da lagoa, uma fêmea latia para tentar proteger o cão que se afogava

Por Paula Nacasaki

08 de junho de 2020, às 10h12 • Última atualização em 08 de junho de 2020, às 12h48

Patrulheiros da Gama (Guarda Municipal de Americana) salvaram um cachorro que estava se afogando em uma lagoa na Avenida Centurione Boer, na região do Vale das Nogueiras.

O salvamento ocorreu na manhã de domingo (7). A companheira do cão estava latindo nas margens da lagoa para tentar protegê-lo.

Cachorro estava em uma lagoa na Avenida Centurione Boer – Foto: Gama / Divulgação

Ao LIBERAL, o guarda Maciel Pereira dos Santos contou que foram solicitados por uma moradora, por volta das 10h, relatando que um cachorro estava se afogando na lagoa.

De imediato, os patrulheiros se dirigiram ao local e encontraram o cachorro dentro do lago, já cansado de nadar. Nas margens, havia uma fêmea, que latia para tentar proteger o outro cão.

Os patrulheiros usaram corda e a própria farda serviu de maca durante o salvamento.

“Depois que nós colocamos o cachorro na viatura a gente percebeu que um estava protegendo o outro. A gente soube depois que é um casal que são criados juntos. Fenomenal, coisa de novela”, contou Maciel

Patrulheiros atuaram no salvamento do cachorro – Foto: Gama / Divulgação

Para o salvamento, foi necessário o apoio de outra viatura. Além do Maciel, estiveram presentes na ação os guardas municipais Vanzo, D’Paula, Wendell, Benício e Brodoloni.

A mulher que tinha acionado a Gama se responsabilizou pelos cuidados do animal. Após postar fotos e vídeos em um grupo de cuidados animais nas redes sociais, o dono do cachorro foi localizado. Ele confirmou que ambos os cães pertenciam a ele e que se tratava de um casal.

Podcast Além da Capa
A relação de Americana com Santo Antonio, o padroeiro da cidade, completa 120 anos em 2020, mas a festividade em torno da data foi forçada a ser revista por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Desde o início da quarentena, em março, as missas realizadas na Basílica não contam com a presença de fieis mas o contato é mantido por transmissões pelo Facebook. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com o administrador paroquial da basílica, o padre Valdinei Antonio da Silva. A necessidade do cancelamento de outros eventos da comunidade católica, como as festas de São João de Carioba e do Senhor Bom Jesus, também é abordada com os padres Marcos Ramalho e Marcelo Fagundes.

Publicidade