Farmácia Central de Americana passa a atender por agendamento

O objetivo da medida é evitar aglomerações por conta da disseminação do novo coronavírus (Covid-19)


A Farmácia Central de Americana passa a atender por meio de agendamento a partir desta terça-feira (24) os pacientes que usam medicamentos de uso contínuo. O objetivo é evitar aglomerações por conta da disseminação do novo coronavírus (Covid-19). As pessoas podem fazer o agendamento pelos telefones (19) 3242-3731 ou (19) 3462-2728, das 8h às 12h, ou pessoalmente nos guichês da farmácia.

Saiba tudo sobre o coronavírus, o que ele provoca e como se prevenir

Para os usuários que precisam de medicamentos de uso temporário e prescrição com início de uso imediato, como antibióticos, antivirais, antiparasitários, analgésicos, anticonvulsivantes básicos, entre outros, haverá agenda livre para disponibilização.

Podcast: Sete edições do Além da Capa para ouvir durante a quarentena

Cada usuário deverá agendar individualmente seu horário e, caso retire para outra pessoa, precisa agendar dois horários, todos em nome do paciente, ou seja, um único paciente agendado não poderá retirar o remédio para outras pessoas sem agendamento prévio feito em nome daquelas.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

Caso o usuário não compareça no dia agendado ele deverá reagendar o atendimento por telefone ou pessoalmente. A farmácia central deverá atender semanalmente em torno de 600 usuários que dependem do serviço.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora